KC-390 é flagrado reabastecendo outro KC-390 em voo

Aeronaves da FAB foram fotografadas praticando o procedimento de reabastecimento em voo
Um KC-390 abastecendo outro KC-390, acompanhados por um Phenom na “paquera”
Um KC-390 abastecendo outro KC-390, acompanhados por um Phenom na “paquera”

Uma imagem que começou a circular nas redes sociais no final de semana mostra uma aeronave multimissão Embraer KC-390 Millennium da Força Aérea Brasileira (FAB) reabastecendo em voo outro KC-390, ambos acompanhados por um jatinho utilitário U-100 Phenom “paquera”.

A operação provavelmente faz parte dos ensaios de voo e certificação das capacidades da aeronave. O novo jato militar da Embraer ainda está em busca do certificado operacional final, uma espécie de “atestado” militar que comprova os atributos do avião militar de acordo com os requisitos propostos no projeto. A FAB ainda não comentou sobre o início dos voos de reabastecimento entre os KC-390.

Em novembro do ano passado, a FAB concluiu as provas de reabastecimento aéreo (REVO) do KC-390 com os caças F-5 e A-1. Em 2021, deve ser iniciada a campanha de REVO do novo jato da Embraer com helicópteros H-36 Caracal – e mais adiante com os novos caças F-39 Gripen E/F.

Posto de combustível voador

Equipado com três tanques de combustível auxiliares no compartimento de cargas, o KC-390 pode transportar um total de 12 toneladas de combustível (além das 23 toneladas de combustível nos tanques internos) para reabastecer outras aeronaves em voo. Segundo dados da Embraer, o avião é capaz de realizar operações de REVO em velocidades entre 220 km/h e 560 km/h em altitudes variando de 610 metros até 9.750 m.

Embraer KC-390 - FAB
Embraer KC-390 Millennium em provas de reabastecimento aéreo com caças F-5 (FAB)

Durante os voos de reabastecimento, o KC-390 pode transferir 1.500 litros de combustível por minuto para outras aeronaves. Nesse ritmo é possível completar os tanques internos dos caças F-5 e do A-1M em menos de dois minutos.

Todos os 28 modelos KC-390 encomendados pela FAB poderão ser equipados com os kits de reabastecimento aéreo, que inclui os tanques auxiliares e dois pods nas asas que contém as mangueiras e a sonda de transferência de combustível. No futuro, a aeronave multimissão vai assumir o posto dos KC-130 Hercules na frota brasileira em missões REVO.

Veja mais: Hungria confirma a compra de duas aeronaves Embraer C-390 Millennium

 

Total
233
Shares
Previous Post

Rumores apontam que Argélia teria comprado 14 caças russos Sukhoi Su-57

Next Post
Cessna Grand Cavaran - Asta Linhas Aéreas

Sub-regional Asta Linhas Aéreas abre nova divisão de cargas

Related Posts