Robinson lança helicóptero de treinamento

Modelo R44 Cadet tem mecânica e acabamento simplificado, reduzindo os custos de instrução
O Robinson R44 é um dos helicópteros mais comuns no movimentado espaço aéreo de São Paulo (Robinson Helicopter Company)
O Robinson R44 é um dos helicópteros mais comuns no movimentado espaço aéreo de São Paulo (Robinson Helicopter Company)
O Robinson R44 é um dos helicópteros mais comuns no movimentado espaço aéreo de São Paulo (Robinson Helicopter Company)
O R44 é um dos modelos mais comuns no movimentado espaço aéreo de São Paulo (Robinson Helicopter)

Diferentemente da aviação de asa fixa, que possui aeronaves especiais de treinamento, no segmento dos helicópteros é raro esse tipo de opção. Por falta de um meio específico de instrução, pilotos em formação precisam treinar em modelos comerciais convenciais, mais caros de operar. Mas a fabricante Robinson Helicopter Company que mudar esse cenário.

A empresa norte-americana anunciou o lançamento do modelo R44 Cadet, específico para o treinamento de novos pilotos. O aparelho é uma variação simplificada do R44 Raven II, um dos modelos mais comuns no Brasil, especialmente em São Paulo (SP).

Para reduzir os custos de operação, o R44 Cadet tem apenas dois lugares (o Raven I transporta até quatro ocupantes) e a potência do motor foi reduzida de 210 cv para 180 cv. As alterações reduziram o peso máximo do helicóptero para meros 998 kg (o R44 comercial pesa cerca de 1.090 kg) e o nível de ruído caiu três decibéis.

O novo helicóptero da Robinson, que deve interessar às escolas de voo, ainda pode ser equipado com ar condicionado, piloto automático e instrumentos digitais.

O modelo de treinamento deve receber a certificação de voo da FAA, órgão de administração de aviação dos Estados Unidos, até o final deste ano. Com isso, as vendas e primeiras entregas da aeronave estão programadas para o primeiro semestre de 2016. O preço do R44 Cadet ainda não foi divulgado, mas é certo que deve ficar abaixo dos US$ 456 mil pedidos pela versão de transporte executivo R44 Raven II.

O R44 Cadet foi simplificado para reduzir os custos de operação (Robinson Helicopter)
O R44 Cadet foi simplificado para reduzir os custos de operação (Robinson Helicopter)

Veja mais: Empresa brasileira lança helicóptero não tripulado

Total
0
Shares
0 0 votes
Article Rating
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Augusto
Augusto
6 anos atrás

Estranha versão já que a Robinson fabrica o modelo R-22 de dois lugares, muito mais barato, com um bom motor de confiabilidade absoluta, baixo custo de manutenção e já muito usado em treinamento de pilotos. E curiosamente, amplamente usado como aeronave pastora de gado na Austrália voando em baixa altura pela imensidão do planalto australiano como se pode ver em vários vídeos no Youtube, o que demonstra a sua robustez e confiabilidade.

Vicente
Vicente
5 anos atrás

Helicóptero extremamente perigoso , mal acabado , mal equipado, mal projetado, deveria ser proibido de voar ! Já matou muita gente no mundo e pelo visto vai continuar matando !

Previous Post
A Azul conta atualmente com cinco jatos Airbus A330 (Thiago Vinholes)

Azul inicia envio de peças da Embraer para os EUA

Next Post
O download do aplicativo da FAB é gratuito; em breve também será oferecido na Apple Store (FAB)

FAB lança aplicativo para smartphones

Related Posts