United Airlines deve assumir área de manutenção da TAP no Galeão

Centro de manutenção no Rio de Janeiro foi implantado originalmente pela Varig. Companhia aérea portuguesa teve que fechar instalação como condição para receber ajuda financeira da Comissão Europeia
O centro de manutenção da TAP

A United Airlines é apontada como futura proprietária do enorme centro de manutenção (MRO) pertencente à TAP e localizado no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro.

Implantado pela finada companhia aérea brasileira Varig, o MRO foi adquirido pela TAP, que usava suas instalações para a manutenção de aeronaves narrowbodies e widebodies.

No entanto, por conta da ajuda financeira recebida da Comissão Europeia, a TAP teve que repassar a unidade e por isso encerrou atividades no local em janeiro.

Segundo o jornal O Globo, a United Airlines deve duplicar o número de funcionários no centro de manutenção, de 500 para 1.000 pessoas.

Durante apresentação dos resultados, a TAP acusou um prejuízo de 1 bilhão de euros com o fechamento da unidade.

O gigantesco hangar da Varig no Galeão (Reprodução)

Inaugurado em 1980, o hangar do Aeroporto do Galeão possui uma área de 20.000 m² e foi por muito tempo o maior da América Latina. Em 2001, a Varig criou a VEM (Varig Engenharia e Manutenção), empresa especializada em manutenção.

A companhia aérea portuguesa assumiu a VEM em 2006, passando a chamá-la de TAP ME Brasil.

O suposto interesse da United Airlines pelo centro de manutenção vai de encontro a uma iniciativa semelhante da concorrente American Airlines, que construiu um MRO no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, anos atrás.

Total
1
Shares
Previous Post
A Embraer estuda montar uma fábrica na China após a estreia do E195-E2, em 2019 (Embraer)

Embraer está de olho em pedido da IndiGo e renovação de frota da LOT

Next Post

Sindicato dos pilotos da United Airlines mantém restrições ao jato E175-E2

Related Posts
Total
1
Share