Eurofighter Typhoon - Luftwaffe

A Força Aérea Alemã é o maior operador do Eurofighter, com mais de 130 aeronaves na frota (Airbus)

A Airbus confirmou nesta semana a assinatura de um contrato para fornecer 38 novos caças Eurofighter Typhoon para a Luftwaffe (Força Aérea Alemã). A nova encomenda, conhecida pelo nome de projeto “Quadriga”, tornará a Alemanha o maior operador do avião de combate europeu, com mais de 130 unidades, superando a frota da RAF (força aérea do Reino Unido). O pedido contempla a entrega de 30 jatos monopostos e oito bipostos.

Os novos caças Typhoon encomendados pela Alemanha são da versão mais recente “Trache 4”, que inclui uma série de novidades, tais como um novo radar, softwares preparados para receber atualizações no futuro e capacidade multifuncional ilimitada para engajar alvos aéreo e terrestres.

“O novo Eurofighter Tranche 4 é atualmente a aeronave de combate mais moderna construída na Europa, com uma vida útil muito além de 2060. Suas capacidades técnicas permitirão a integração total no Sistema Aéreo Europeu de Combate do Futuro”, disse Dirk Hoke, CEO da Airbus Defense and Space.

De acordo com a Airbus, o novo pedido da Alemanha vai garantir a produção do caça até 2030 e chega num momento importante para o projeto multinacional. Além de um pedido esperado da Espanha para substituir seus antigos F/A-18 Hornet, o jato europeu também deve entrar na disputa dos programas de renovação de caças das forças aéreas da Suíça e Finlândia.

O Eurofighter é o maior programa de defesa da Europa, no qual o Reino Unido, Espanha e Itália estão envolvidos ao lado da Alemanha. A aeronave também está em serviço nas forças aéreas da Áustria, Arábia Saudita, Omã, Kuwait e Qatar.

O desenvolvimento do Typhoon começou efetivamente em 1983 com o programa Future European Fighter Aircraft, uma colaboração multinacional entre o Reino Unido, Alemanha, França, Itália e Espanha.

Divergências sobre a autoridade do projeto e os requisitos operacionais levaram a França a deixar o consórcio para desenvolver o Dassault Rafale de forma independente. O primeiro protótipo do Eurofighter voou pela primeira vez em 27 de março de 1994 e as primeiras aeronaves operacionais entraram em serviço em 2003 com a Luftwaffe, o primeiro cliente do caça europeu.

Veja mais: Conheça os concorrentes do Embraer C-390 Millennium