ATR 42-600S, para pouso e decolagem curtos, decola pela primeira vez

Aeronave turboélice foi parcialmente configurada para operações STOL e ainda receberá novos equipamentos a fim de iniciar certificação em 2023
O protótipo do ATR 42-600S decola para o primeiro voo (ATR)

A ATR realizou o primeiro voo de um ATR 42-600S com uma configuração STOL parcial na quarta-feira. A nova variante da aeronave turboélice será capaz de decolar e pousar em pistas mais curtas, com 800 a 1000 metros de comprimento.

A fabricante sediada em Toulouse, no entanto, não detalhou que mudanças foram introduzidas na aeronave de teste, mas afirmou que o ATR 42-600S será equipado com novos equipamentos em seus próximos voos. Entre os itens citados estão um novo computador multifunção (MFC-NG), sistema de freio automático, spoiler e “sistemas de classificação de decolagem aumentados”.

A configuração final do ATR 42 STOL será concluída no final do ano quando a aeronave receberá um novo leme, de maiores dimensões. A companhia pretende iniciar o processo de certificação do turboélice em 2023.

Até o momento, a ATR possui 20 compromissos de compra de companhias aéreas e empresa de leasing pela nova versão, destinada a permitir operações em aeroportos com pistas curtas ou em altitudes mais elevadas.

Segundo a empresa, há cerca de 500 aeroportos no mundo com características em que o ATR 42-600S poderá ser usado.

Total
2
Shares
Previous Post

Eve estreia na Bolsa de Valores de NY com ações em queda de 23%

Next Post

Avião-tanque KC-46A Pegasus completa voo de 24 horas

Related Posts