Boeing 787 agora tem peças fabricadas nos Emirados Árabes Unidos

Boeing recebeu o primeiro estabilizar vertical fabricado no Oriente Médio para ser instalado no 787 Dreamliner
Boeing 787 durante o primeiro voo
Boeing 787
Um dos aviões mais avançados do mundo, o 787 agora tem componentes fabricados no Oriente Médio (Boeing)

A produção e fornecimento dos estabilizadores verticais do jato comercial Boeing 787-9 Dreamliner agora é uma tarefa da Strata, fabricante de aeroestruturas dos Emirados Árabes Unidos.

A empresa com sede em Al Ain, no emirado de Abu Dhabi, anunciou nesta semana que enviou o primeiro componente para a fábrica da Boeing em North Charleston, no estado da Carolina do Norte, nos EUA, onde fica a linha de montagem final do 787.

“Este marco significativo destaca o sucesso da Strata em replicar as capacidades da Boeing, reforçando a forte parceria entre nossas respectivas entidades e realça a posição da Strata como um parceiro confiável em toda a cadeia de abastecimento aeroespacial global”, disse Ismail Ali Abdulla, CEO da Strata.

O relacionamento da Strata com a Boeing não é novidade. As empresas são parceiras desde 2011, quando os árabes foram contratados como fornecedor Tier 1 (que desenvolve soluções adaptadas ao produto acabado sem grandes modificações) para a fabricante de aviões dos EUA.

Funcionária árabe de véu na fábrica da Strata, nos Emirados Árabes Unidos
A fábrica de componentes Strata é financiada por Abu Dhabi, emirado que tem ambições aeronáuticas (Strata)

A fábrica nos Emirados também fornece nervuras de empenagem e estabilizadores verticais para o 777, além de estruturas de material composto para a nova estrela da Boeing, o 777X.

Fundada em 2009, a Strata é um empreendimento financiado pelo governo de Abu Dhabi, emirado que almeja se tornar um importante centro aeroespacial. A fabricante também produz componentes para aeronaves da Airbus, ATR e Pilatus.

Outro produto oferecido pela empresa é uma bicicleta com quadro de fibra de carbono projetada em parceria com a Universidade de Khalifa. Nos últimos meses durante o enfrentamento a pandemia do novo coronavírus, a Strata também produziu máscaras de proteção facial.

Veja mais: Novo turboélice russo Il-114-300 completa primeiro voo

Total
1
Shares
Previous Post
Ilyushin Il-114-300

Novo turboélice russo Il-114-300 completa primeiro voo

Next Post
O KC-390 é proposto como uma alternativa ao antigo C-130 Hercules, da Lockheed Martin (FAB)

FAB realiza primeiro lançamento de paraquedistas a partir do KC-390

Related Posts