Caça francês perdido há 60 anos é encontrado nas profundezas do Mar Mediterrâneo

Aeronave perdida em 1960 foi encontrada por acaso a mais de 2.400 metros de profundidade no litoral francês
Caça Aquilon francês encontrado no fundo do Mar Mediterrâneo
(Ifremer)
Caça Aquilon francês encontrado no fundo do Mar Mediterrâneo
O antigo caça francês foi encontrado por acaso por cientistas oceanográfico (Ifremer)

Um mistério que durava mais de 60 anos foi solucionado na última semana. Os destroços de um caça Aquilon 203 da Marinha francesa foi encontrado a mais de 2.400 metros de profundidade na costa da França, no Mar Mediterrâneo.

O acidente ocorreu em 13 de junho de 1960, quando a aeronave realizava sua última decolagem a partir do porta-aviões britânica HMS Ark Royal, durante um exercício conjunto com a marinha francesa. Segundo relatos da época, o avião caiu na água e afundou imediatamente. O corpo do piloto, Jean Leghouy, nunca foi resgatado.

A aeronave foi encontrada por acaso no fundo do mar por equipes de cientistas do instituto francês de pesquisas oceanográficas Ifremer, e da Marinha francesa, enquanto realizavam trabalhos científicos subaquáticos, ao sul da ilha de Porquerolles.

Caça Aquilon francês encontrado no fundo do Mar Mediterrâneo
O corpo do piloto do Aquilon nº 83 nunca foi encontrado (Ifremer)

Está foi uma descoberta muito importante para a área de pesquisa que muitos hoje chamam de “arqueologia aeronáutica” e que consiste em encontrar aviões perdidos. A região onde o Aquilon n° 83 foi encontrado é conhecida por acolher outros naufrágios de aeronaves, devido à presença de muitas bases aéreas navais (ainda aberta ou fechadas) na região.

Fabricado a partir de 1952 pela Sud Aviation, o Aquilon foi o primeiro avião a jato operado pela marinha da França. O modelo é a versão francesa do caça naval britânico Sea Vampire, projetado originalmente pela De Havilland.

Sud Aquilon 203
O Aquilon era a versão francesa do Sea Vampire, projetado no Reino Unido (Divulgação)

Veja mais: Porta-helicópteros Atlântico da Marinha agora é um porta-aviões

Total
101
Shares
Previous Post

Qual será o futuro do Boeing 777X?

Next Post
(Embraer)

Embraer sofre ataque hacker e ainda não sabe extensão dos danos

Related Posts