Gato empalhado é transformado em drone

Após a morte de seu bicho de estimação, taxidermista holandês o transformou no OrvilleCopter
OrvilleCopter, o gato-drone (Divulgação)
OrvilleCopter, o gato-drone (Divulgação)

OrvilleCopter, o gato-drone (Divulgação)

OrvilleCopter, o gato-drone (Divulgação)

É um pássaro? É um avião? Não! É o OrvilleCopter, o gato-drone! Bart Jansem, taxidermista holandês, encontrou uma forma inusitada (e bizarra) de homenagear seu bichano de estimação, que se chamava Orville Wright, morto em 2012. O animal foi empalhado e suas entranhas foram substituídas por baterias e motores elétricos com hélices.

Duramente criticado na Holanda, Jansem, em sua defesa, afirma não ter cometido nenhum crime ou crueldade. O gato-drone, aliás, não é sua primeira criação “antropomórfica”. O taxidermista também criou drones a partir de um avestruz e um hamster e também montou um aeroplano com motor a jato com a carcaça empalhada de um tubarão.

O artista holandês ainda tem outros “projetos” em mente. Jansem pretende criar um submarino de controle remoto utilizando um texugo e um helicóptero em forma de vaca.

O empalhador ainda tentou vender OrvilleCopter, fixando seu preço em € 12.000 (cerca de R$ 38 mil). No início houve certa disputa pelo gato-drone e seu criador revelou ter a recebido uma proposta de € 100.000. No entanto, no final todos os interessados desistiram e retiraram suas proposta.

O gato-drone encontra-se guardado e em condições de voo. Porém, são poucos os que desejam ver o OrvilleCopter voando, o que foi descrito como algo “depressivo” pela imprensa europeia.

Veja o OrvilleCopter em “ação”:

OrvilleCopter, o gato-drone

Fonte: Norte Verdadeiro

Veja mais: Empresa alemã lança detector de drones

Total
0
Shares
0 0 votes
Article Rating
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Leandro
Leandro
6 anos atrás

Sem noção de respeito, compaixão pelos animais do autor da matéria ao veicula-la, pois incitaria à reprodução desse desnecessário e bizarro artefacto.

Previous Post
A Azul conta atualmente com cinco jatos Airbus A330 (Thiago Vinholes)

Azul apresenta jato A330 com nova configuração

Next Post
O AtlantikSolar pode permanecer voando por até 10 dias sem pausa (Divulgação)

Avião solar não tripulado vai coletar dados na Amazônia

Related Posts