Itapemirim estreia em Congonhas

Companhia aérea realizou primeiro voo a partir do aeroporto mais disputado do país. Destino foi o Galeão, no Rio Janeiro, que terá um voo diário disponível
O A320 PS-ITA que deixou o Brasil nesta terça-feira (Rafaela Petermann/Divulgação)

A Itapemirim Transportes Aéreos (ITA) realizou nesta terça-feira (16) o primeiro voo a partir do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. A empresa estreante no mercado brasileiro obteve 12 slots diários no terminal aéreo mais disputado do mercado, mas irá operar por enquanto em apenas uma rota, para o Galeão, no Rio de Janeiro.

O voo de estreia decolou da capital paulista às 8h, mas antes recebeu o tradicional batismo do Corpo de Bombeiros. A rota é operada com o jato Airbus A320, com 162 assentos.

“Estrear em Congonhas, um dos principais aeroportos do País, é uma conquista muito importante para nós. É mais uma oportunidade de mostrar aos clientes do transporte aéreo doméstico que a Itapemirim veio para fazer história com um produto diferenciado e mais conforto a bordo para todos os passageiros”, afirmou o diretor executivo da ITA, Adalberto Bogsan.

A ITA deverá utilizar os demais slots (cinco decolagens e cinco pousos) para atender cidades como Brasília, Curitiba, Belo Horizonte, Porto Alegre, Salvador e Porto Seguro (BA), mas ainda não anunciou quando essas rotas serão lançadas.

A empresa pretende operar na ponte aérea Rio-São Paulo e para isso receberá três jatos A319 com 124 lugares – o primeiro deles pousou no Brasil na semana passada.

Apesar de ampliar sua malha desde a estreia no final de junho, não se sabe ao certo qual a demanda real de passageiros atendida pela ITA, isso porque a companhia aérea não tem compartilhado os dados operacionais com a ANAC.

Por conta disso, a empresa foi autuada pela agência em outubro. Segundo a ANAC, o “envio dos referidos dados devidamente criticados e consistidos deve ser realizado até o dia 10 do mês subsequente ao mês de referência obrigatoriamente por meio do Sistema de Envio dos Dados Estatísticos de Voos – DataVoo”.

O único mês em que a Itapemirim disponibilizou suas informações foi julho, quando transportou pouco mais de 19 mil passageiros pagantes.

Total
44
Shares
Previous Post

Caça Sukhoi Checkmate deverá ter versão não tripulada

Next Post

Airbus acumula centenas de pedidos no Dubai Airshow

Related Posts