Novo jato comercial russo MC-21 realiza primeiro voo

Aeronave desenvolvida pela Irkut é proposta para concorrer com os tradicionais Airbus A320 e Boeing 737, os aviões comerciais mais vendidos do mundo
Os primeiros voos comerciais do jato russi MC-21 são previstos para 2019 (Divulgação)
Os primeiros voos comerciais do jato russi MC-21 são previstos para 2019 (Divulgação)

A fabricante russa Irkut completou neste domingo (28) o primeiro voo do jato comercial MC-21-300, em em Irkutsk, na região da Sibéria. Segundo a fabricante, o teste durou 30 minutos e a aeronave alcançou 1.000 metros de altitude e 300 km/h de velocidade máxima, números que são apenas uma fração para a qual o modelo foi projetado.

O novo jato fabricado na Rússia vai competir no segmento dos narrowbody (aeronaves de fuselagem estreita), onde reinam os tradicionais Airbus A320 e o Boeing 737, atualmente os aviões comerciais mais vendidos no mundo – outro avião que recentemente entrou na disputa desse nicho é o chinês COMAC C919.

O MC-21 tem capacidade para transportar de 163 a 211 passageiros em voos de até 6.000 km. A estreia comercial da aeronave, de acordo com o plano da Irkut, é prevista para 2019. A fabricante ainda afirma que já conta com 175 pedidos firmes de compra pelo novo jato, de empresas de três países. O primeiro operador do modelo será a Aeroflot, a maior companhia aérea da Rússia.

Estratégia de vendas

A Irkut planeja alcançar mercados tradicionais do Ocidente com o MC-21. Uma das estratégias é oferecer a aeronave com motores Pratt & Whitney, um dos mais utilizados na aviação comercial, sobretudo nas regiões com maior tráfego, como Estados Unidos e Europa. A outra opção de motorização será fornecida pela fabricante russa Aviadvigatel.

A empresa ainda afirma que a nova aeronave apresenta custos de operação até 15% inferiores comparados aos de modelos tradicionais do segmento, fator que pode atrair companhias aéreas. Além disso, o MC-21 é a opção mais barata em seu nicho, com preço estimado em US$ 70 milhões – o Airbus A320neo custa US$ 108 milhões.

O MC-21-300 é o primeiro modelo de uma família de jatos comerciais que deve ter ainda outras duas opções, com tamanhos e desempenhos diferentes. O segundo modelo será o MC-21-200, projetado para embarcar de 132 a 165 passageiros e com autonomia de 6.400 km. Já a terceira variante é o MC-21-400, para até 230 ocupantes e alcance de 5.000 km.

A Irkut já conta com 175 pedidos firmes pelo MC-21; a aeronave é avaliada em US$ 70 milhões (Divulgação)
A Irkut já conta com 175 pedidos firmes pelo MC-21; a aeronave é avaliada em US$ 70 milhões (Divulgação)

A Irkut é uma das divisões da United Aircraft Corporation (UAC), grupo russo que ainda reúne as fabricantes Ilyushin, Sukhoi, Mikoyan, Tupolev, Yakovlev e Beriev.

Veja mais: “Airbus chinês”, COMAC C919 realiza primeiro voo

Total
0
Shares
1 comment
  1. Eu ainda não consegui me livrar da “primeira impressão” dos produtos da antiga União Soviética onde qualidade era em números tão negativos principalmente em produtos automobilísticos e eletrônicos. Eu não voaria num avião russo.

Comments are closed.

Previous Post
Os primeiros voos do XS-1 estão programados para 2019 (DARPA

Boeing é convocada para construir “avião espacial”

Next Post
O "Hound Dog" foi comprado por Elvis em 1975, dois anos antes de sua morte (Divulgação)

Antigo avião de Elvis Presley é leiloado por R$ 1,4 milhão

Related Posts