Protótipo do HondaJet vira peça de museu no Japão

Modelo exposto no Museu de Aviação e Ciência de Misawa foi o primeiro protótipo do HondaJet
Hondajet
Protótipo do primeiro HondaJet agora está guardado no Museu de Aviação e Ciência de Misawa (Honda Company)

Fechado há cinco meses para uma reforma, o Museu de Aviação e Ciência de Misawa, na prefeitura de Aomori, no Japão, será reaberto no próximo dia 20 de abril com uma importante novidade no acervo: o local é agora é casa do primeiro protótipo do jato executivo HondaJet.

O jato enviado ao museu é um protótipo de prova de conceito, que voou pela primeira vez em 3 de dezembro de 2003. O modelo foi fundamental nos testes dos motores turbofans HF118, projetado e construído pela própria Honda e que são montados numa configuração incomum sobre as asas. O último voo da aeronave em questão foi realizado em 2013.

“É um grande prazer ter a prova de conceito da HondaJet em exibição permanente no Museu de Aviação e Ciência de Misawa no Japão”, disse o presidente e CEO da Honda Aircraft, Michimasa Fujino. “Com esta aeronave, provamos a configuração inovadora do suporte de motor sobre as asas e outras tecnologias avançadas exclusivas do HondaJet. Esperamos que muitas pessoas visitem o museu e vejam o HondaJet pessoalmente e desejamos que a história do HondaJet possa inspirar a próxima geração de projetistas de aeronaves.”

Disponível no mercado desde 2015, o HondaJet vem despontando como um dos maiores sucessos da aviação executiva. O avião japonês foi o jato leve mais vendido do mundo em 2020, liderando o segmento pelo quarto ano consecutivo. Atualmente, mais de 170 unidades da aeronave estão em operação no mundo todo, incluindo quatro aparelhos no Brasil.

O HondaJet “N420HA” voou pela primeira vez em 3 de dezembro de 2003 (Sergey Ryabtsev/GFDL)

Total
15
Shares
Previous Post

Boeing detecta problema no sistema elétrico do 737 MAX; uma aeronave da Gol é afetada

Next Post

Caça AF-1B da Marinha do Brasil volta a voar após 1711 dias em solo

Related Posts