Suíça vai decidir compra de novos caças em referendo popular

Pesquisa realizada no país mostrou que 58% da população é favor do governo suíço gastar US$ 6,6 bilhões na aquisição de novos caças
A força aérea da Suíça é o último operador do F-5 na Europa (Peng Chen – Wikimedia Commons)
A força aérea da Suíça é o último operador do F-5 na Europa (Peng Chen – Wikimedia Commons)

A população da Suíça vai decidir no dia 27 de setembro por meio de um referendo popular se o país deve ou não desembolsar 6 bilhões de francos suíços (cerca de R$ 36,9 bilhões) para comprar novas aeronaves de caça para a força aérea suíça.

Uma pesquisa de intenções de voto realizado pelo instituto suíço GFS Bern apontou que 58% dos entrevistados são a favor do plano do governo, enquanto 39% se opõem e outros 3% não têm uma opinião sobre tema. O estudo ouviu 29.450 eleitores elegíveis e tem uma margem de erro de 2,9 pontos percentuais.

Em janeiro deste ano, as fabricantes Airbus, Dassault, Saab, Boeing e Lockheed Martin enviaram suas propostas para o governo suíço. Posteriormente, as autoridade do país excluíram a Saab da disputa, justificando que o avião da empresa sueca (o Gripen E) ainda não estava suficientemente desenvolvido.

A força aérea suíça opera uma frota de caças bastante enxuta, composta por 25 modelos Boeing/McDonnell Douglas F/A-18C/D Hornet e mais 29 Northrop F-5E Tiger II, aeronaves que serão aposentadas em alguns anos. Os candidatos para substituí-los são o Eurofighter da Airbus, F/A-18 Super Hornet da Boeing, Rafale da Dassault e o F-35A da Lockheed Martin.

A força aérea suíça recebeu seus primeiro F/A-18 Hornet em 1996 (Peter Gronemann – Wikimedia Commons)

Se a população suíça aprovar a compra, os novos jatos devem ser entregues até 2025. A quantidade de aeronaves ainda não foi definida.

Este será o segundo plebiscito realizado na Suíça para definir a compra de novos caças para a força aérea. Em 2014, cerca de 52% dos eleitores votaram contra um plano do governo para adquirir 22 caças Gripen C/D da Saab por 3,5 bilhões de francos suíços.

Veja mais: Rússia prepara versão de exportação do caça furtivo Su-57

Total
61
Shares
Previous Post

Esquadrão acrobático Blue Angels recebe novo C-130J “Fat Albert”

Next Post

De mal com a Rússia, ucraniana Antonov busca parceiros na Turquia

Related Posts