Venda de caças Gripen NG ao Brasil pode ser cancelada

Governo brasileiro ainda não assinou o contrato de compra de 36 aviões por US$ 5,4 bilhões
O caça Gripen NG, a versão comprada pela FAB, ainda está em fase de desenvolvimento (Foto - SAAB)
O caça Gripen NG, a versão comprada pela FAB, ainda está em fase de desenvolvimento (Foto – SAAB)
O caça Gripen NG, a versão comprada pela FAB, ainda está em fase de desenvolvimento (Foto - SAAB)
O caça Gripen NG, a versão comprada pela FAB, ainda está em fase de desenvolvimento (Foto – SAAB)

O compra dos novos caças Saab Gripen NG pelo governo brasileiro para equipar a Força Aérea Brasileira (FAB) está à beira de desfazer, informa o colunista Lauro Jardim da revista Veja.

Uma missão sueca desembarcou nesta segunda-feira (27) em Brasília (DF) para uma série de reuniões no Ministério da Fazenda e no Itamaraty. Segundo o colunista, os suecos estão no Brasil para tentar uma última tentativa de fazer o governo brasileiro honrar com o acordo, que prevê a compra de 36 aeronaves.

Uma missão sueca desembarcou hoje em Brasília para reuniões no Ministério da Fazenda e no Itamaraty para a última tentativa de fazer o governo brasileiro honrar o que foi acordado sobre as taxas de juros da compra 36 caças Gripen NG por US$ 5,4 bilhões.

O ministro da fazenda Joaquim Levy vem tentando renegociar a compra das aeronoves alegando dificuldades econômicas por parte do Brasil. Um dos impasses é a taxa de juros do financiamento, que os suecos se recusam a reduzir.

Se o acordo for concluído, as primeiras aeronaves devem chegar ao Brasil em meados de 2019.

Gripen NG

Após quase 10 anos de espera, o governo brasileiro selecionou o caça Saab Gripen NG para re-equipar a aviação de caça da Força Aérea Brasileira (FAB). O programa, chamado FX-2, envolvia ainda os concorrentes Boeing F-18, produzido nos Estados Unidos, e o Dassault Rafale, de fabricação francesa. A proposta sueca era a única que previa transferência de tecnologia.

O Gripen NG é a geração mais recente do caça Gripen, que voou pela primeira vez em 1988. No entanto, a aeronave atualizada ainda está em fase de desenvolvimento e ainda não voou. Seu desenvolvimento já começou na Saab e tem previsão de colaboração da Embraer, que também pretende produzir parte dos aviões no Brasil para adquirir experiência no ramo.

Veja mais: Atraso na compra dos Gripen da FAB afeta lucratividade da Saab

Considerado um caça-bombardeiro de última geração, o Gripen NG pode carregar armas de longo alcance, algo ainda inédito no Brasil, e voar a mais de 2.200 km/h.

Total
13
Shares
0 0 votes
Article Rating
8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Josevaldo
Josevaldo
6 anos atrás

Inacreditável que chegamos a esse ponto, realmente o país se afunda a passos largos, acho que pessoalmente nunca ti ir tão pro fundo do poço como agora.

Tetsuo Shimura
Tetsuo Shimura
6 anos atrás

Com ou sem o rebaixamento pela S&P do investment grade o Brasil já deve ter se tornado uma piada no exterior.

Paulo. costa
Paulo. costa
6 anos atrás

E. Lamentável a falta de amor ao Brasil dos atuais ocupantes do governo brasileiro

Marcelo
Marcelo
6 anos atrás

Brasil é uma piada. Quer comprar caças para qual finalidade? Não tem a mínima capacidade de sustentar uma guerra. Só jogar um míssil na usina de itaipú que metade do país tem apagão. Enquanto não houver uma gestão eficiente dos recursos públicos o país vai ser sempre “pobre” subdesenvolvido…ainda que esteja entre as 10 maiores economia do mundo.

Lorenzo Frigerio
Lorenzo Frigerio
6 anos atrás

Não seria essa a versão atual, “tapa-buraco”, enquanto a versão a ser desenvolvida com a Embraer não sai?

Rodrigo Figueiredo
Rodrigo Figueiredo
6 anos atrás

Piada é a notícia que imagina que aquisição de material bélico é como comprar um Chevrolet Onix na Viamar Veículos.

Falta conhecimento técnico mínimo do blogueiro, boa vontade, experiência em cobrir matérias do tipo e, principalmente, atualização, devido ao fato dessa notícia já ser velha.

Ted
Ted
6 anos atrás

Vai confiando na Veja …. prefiro confiar no presidente da SAAB

http://www.aereo.jor.br/2014/10/27/saab-e-brasil-assinam-contrato-do-gripen-ng/

#vejaMente

Luciano
Luciano
6 anos atrás

Mentira o Contrato já foi assinado e já tem pilotos da fab treinando na suécia já esta exposto uma Réplica de novo caça da FAB é exposta na Esplanada dos Ministérios.

Previous Post
Entre as décadas de 1970 e 1980, o Kfir foi o principal caça de Israel (IAF)

Argentina negocia compra de caças israelenses

Next Post
Apesar da idade avançada, o Lockheed U-2 segue ativo em missões de espionagem aérea (Foto - USAF)

Lockheed U-2, o espião do céu

Related Posts