Entenda como funcionará o terminal VIP do Aeroporto de Guarulhos

Anunciada na semana passada, nova área ficará em local próximo ao Terminal 3 e atenderá de passageiros de voos comerciais a executivos
Terminal VIP de Guarulhos: entenda como será (AEPM)

Anunciado na semana passada, o contrato entre a GRU Airport e a empresa canadense AEPM International prevê a construção e operação por 40 anos de um terminal VIP no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Disponível para qualquer passageiro por uma tarifa de US$ 150 (cerca de R$ 800), o serviço que estará disponível no terminal a partir de dezembro de 2023 gerou várias dúvidas não esclarecidas pelas reportagens publicadas no dia do evento.

Airway questionou a assessoria de imprensa da AEPM para entender qual será o papel do novo terminal e recebeu nesta segunda-feira, 11, respostas bastante esclarecedoras. Entenda a seguir como deve funcionar o serviço:

Terminal separado

Uma das informações que não ficaram claras diz respeito à localização do terminal. Foi informado que ele será erguido entre o Terminal 3 e as instalações de manutenção onde estão a American Airlines e LATAM, porém, trata-se de uma área bastante extensa. Na verdade, o edifício será erguido em frente às posições de estacionamento de aeronaves que no futuro farão parte do segundo píer do Terminal 3. O acesso se dará por uma entrada após a parte frontal do terminal internacional de Guarulhos.

Embarque e desembarque com veículo de luxo

A despeito de ter sido informado que os passageiros que utilizarem o terminal chegarão por um serviço de limusine, será também no interior do aeroporto que os clientes se deslocarão em veículos de luxo. O embarque e desembarque será feito pela pista, mesmo em voos que estejam conectados às pontes de embarque.

A posição do terminal VIP: abertura no final do ano que vem

Aviação executiva

Inicialmente, o novo terminal foi confundido com um serviço para a aviação executiva, mas a AEPM esclareceu que a prioridade será para os passageiros de voos regulares. “O foco desta operação são os passageiros que viajam em companhias aéreas comerciais,” diz nota enviada ao site.

No entanto, os interessados em contar com os serviços do terminal VIP e desembarcarem ou embarcarem em aeronaves executivas também serão atendidos pelos sedãs de luxo, mesmo do outro lado do aeroporto, onde está o pátio para esse tipo de operação. Não haverá posições para jatos ou turboélices executivos em frente ao terminal da AEPM.

Serviço descomplicado

O terminal VIP, portanto, terá um caráter mais próximo de um serviço descomplicado em que o passageiro terá um atendimento capaz de cuidar de quase todos os detalhes que envolvem seu voo, seja nacional ou internacional.

A empresa garante que serão disponibilizados todos os serviços existentes nos terminais comuns além de outros exclusivos, entre eles segurança, manuseio de bagagem, compras duty-free, aluguel de carros e serviços de limusine e despacho de carga.

‘’Nosso serviço começa com um motorista que busca nosso hóspede direto do avião em um sedã de luxo. Uma vez no Terminal VIP, um anfitrião dedicado cuida de todas as formalidades necessárias enquanto a pessoa possa desfrutar da hospitalidade do lounge ou se preparar para sua reunião de negócios ou próxima aventura,” explica Anita Newcourt, VP Guest Experience da AEPM International.

Haverá também espaços para reuniões, chuveiros, “sleep lounge”, serviço de engomadoria e engraxate além de áreas para relaxamento e serviço de restaurante. Vale ressaltar que o terminal estará aberto a passageiros utilizando a 1ª classe, classe executiva e também econômica.

Até 2026, a AEPM espera contar com um vertiporto, apto a receber os eVTOLs que estão atualmente em desenvolvimento.

 

Total
1
Shares
Previous Post

Último cargueiro An-124 entregue pode voltar a voar

Next Post

Visita do Airbus Beluga ao Brasil ocorrerá no dia 24 de julho

Related Posts
Total
1
Share