EUA lançaram “bomba-privada” na Guerra do Vietnã

Para celebrar o lançamento de seis milhões de libras em bombas no Vietnã do Norte, a Marinha dos EUA marcou a ocasião lançando um vaso sanitário sobre o inimigo
O AH-1 Skyraider e sua arma "bioquímica" (Domínio Público)
O AH-1 Skyraider e sua arma “bioquímica” (Domínio Público)

Essa foto com o avião de ataque Douglas A-1H Skyraider “armado” com um vaso sanitário pode parecer mentira, mas é real e ele decolou desta forma. Para celebrar os seis milhões de libras (2.721.554 kg) em bombas lançadas sobre o Vietnã do Norte, pilotos da Marinha dos EUA (US Navy) tiveram a brilhante ideia de lançar uma privada sobre o inimigo.

O avião, com codinome “Paper Tiger II” nessa missão, decolou do porta-aviões USS Midway com sua arma “especial” em outubro de 1965 para atacar objetivos no Delta de Mekong, no então Vietnã do Sul. O aparelho foi conduzido pelo comandante Clarence J. Stoddard, que voou acompanhado de seu ala Robin Bacon

Segundo relato de um controlador de voo que acompanhou o ataque da “bomba-privada”, quando o vaso foi lançado por muito pouco ele não acertou o Skyraider comandado por Bacon, que vinha logo atrás em voo picado (mergulhando). Devido a resistência aerodinâmica e o baixo peso, o objeto caiu de forma descontrolada e assoviando. Após o ataque, os aviões retornaram em segurança ao USS Midway.

O vaso sanitário lançado no Vietnã do Norte havia quebrado dias antes do ataque e seria descartado. Os pilotos então o recuperaram e pediram aos armeiros do porta-aviões para criar uma forma de prende-lo aos suportes de armas nas asas dos Skyraider.

A brincadeira por pouco não causou um acidente (War History)
A brincadeira por pouco não causou um acidente (Domínio Público)
A "bomba-privada" celebrou os 6 milhões de libras em bombas lançadas na Guerra do Vietnã (War History)
A “bomba-privada” celebrou os 6 milhões de libras em bombas lançadas na Guerra do Vietnã

A brincadeira não foi divulgada no porta-aviões e quando a aeronave surgiu no convés de voo com a privada debaixo das asas todos levaram um susto. Passado o ataque e a celebração, os pilotos criaram uma série de piadas para explicar a missão, como a de um ataque bioquímico.

O comandante Clarence J. Stoddard foi o único piloto de Skyraider que conseguiu abater um jato durante a Guerra do Vietnã, um MiG-17. Em 14 de setembro de 1966, Stoddard, porém, acabou abatido por um míssil anti-aéreo e morreu na sequência da queda.

Fonte: War History

Veja mais: Aviões diferentes que não vingaram

Total
1
Shares
0 0 votes
Article Rating
38 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
umberto
umberto
5 anos atrás

deveriam colocar os corruptos naquele vaso bombatário

luciano
luciano
5 anos atrás

Quanta arrogância, americanos sempre se acharam e se acham uma raça superior ao outros, Hitler se achava superior também.

RICARDO ANTONIO BALESTRA
RICARDO ANTONIO BALESTRA
5 anos atrás

Esses caras deveriam é trabalhar no governo da Da. Dilma, já que têm o predicado essencial para isso: são muito incompetentes…
Da. Dilma, devolva meu voto…

Fernando
Fernando
5 anos atrás

A pergunta que não quer calar: “O vaso estava cheio??”

Anti yankee
Anti yankee
5 anos atrás

Os yankees são a escória desse mundo, matam pessoas e falam que são os heróis, os certinhos,etc, já bombardearam mais de 170 países em sua história, vivem criando conflitos, e financiando grupos terroristas a seu favor, povo nojento

Vicente Filho
Vicente Filho
5 anos atrás

Se esse vaso fosse encontrado inteiro valeria 1 milhão de dólares. Os americanos compram tudo que é besteira.

Deodato Souza
Deodato Souza
5 anos atrás

Fins de 1965, e já quase três mil toneladas de bombas lançadas sobre o Vietnã (“do Norte”, chamado assim por causa da divisão criada com apoio dos próprios americanos). Uma das maiores vergonhas da humanidade. Depois, viria o genocídio do Camboja, quando foram lançadas mais bombas do que todas as que os aliados lançaram na 2a. guerra mundial. Hoje, ninguém mais lembra daquele Hitler ianque, a besta-fera Henry Kissinger.

Deus Carmo
5 anos atrás

Como estes animais banalizaram a morte e a guerra. Por isto pagam hoje com ataques quase diários de pessoas atirando a esmo, matando gente inocente. Os Estados Unidos estão se destruindo pelas próprias mãos. Todo império será destruído porque o Estado não deve existir para massacrar o homem, mas para servi-lo.

Felipe
Felipe
5 anos atrás

@UMBERTO Bem, considerando que se trata da época da Guerra do Vietnã então deviam ter colocando o Richard Nixon na privada, rsrs

Ivo
Ivo
5 anos atrás

Realmente esse vaso representa a derrota mais vergonhosa que os Estados Unidos sofreram em sua história.

Luiz Carlos
Luiz Carlos
5 anos atrás

Então os americanos lançaram um vaso sanitário sobre o inimigo. Aparentemente o inimigo ‘defecou’ para o fato, tanto que ganhou a guerra, apesar de tantas bombas e outras porcarias lançadas sobre eles.

Fred
Fred
5 anos atrás

Esse é o famoso caso, seria cômico se não fosse uma comemoração tão trágica e sarcástica.

Lesper
Lesper
5 anos atrás

Mesmo assim USA perdeu a guerra!!!

Bothrops insularis
Bothrops insularis
5 anos atrás

“Vaso bombatário”.Como neologismo,fraco.
Agora venham cá.Se vocês ficam dizendo também tantos desaforos sobre os EUA, que tal optarmos poruma estreita colaboração com a Rússia?Sim,porque está esquisito.Que polaridade é esta?Esquerda vocês não toleram.Aí atiram pedras no poder que sempre sustentou a direita?
Todos os indicativos desses comentários são do tipo autoritário que Adorno chama de “crank”:biruta em inglês,doente em alemão.Sofreram frustrações na infância e continuaram a sofrê-las, no decorrer da vida.A realidade objetiva os enlouquec eria.Então juntam-se em grupos de ideias mnais ou menos semelhantes ou iguais, para que um confirme ao outro a sua visão espúria de mundo.Quando vieram as redes sociais,aí que a coisa pegou fogo.Vocês parecem tripulantes da trágica “Nau Catarineta”.Seus argumentos vão se acabar,seu ódio não terá mais a quem atingir e lhes restará comerem-se uns aos outros.É o que quase aconteceu na lenda,mas vocês poderiam dar um passo adiante:canibalizem-se.

yasal
yasal
5 anos atrás

quantas vidas foram ceifadas nesta aventura yankee na terras dos vietcongues? dizem que foram 2,000,000. eh , e ainda tiveram bom humor para brincarem, e esta brincadeira e contada aqui como se fosse uma diversão. EU, os maiores assassinos do mundo moderno, motivo de toda desgraça, logico, comandado por meia duzia que se igualam aos nazistas em seus ideais.

Mestre
Mestre
5 anos atrás

…guerra é uma m…. mesmo, privada tem tudo a haver!

Cesar
Cesar
5 anos atrás

Podiam ter lançado um dos petistas desses comentários ou da redação do uol
O estrago biológico seria maior

O Crente
O Crente
5 anos atrás

Guerra do Vietnã, uma época em que os Estados Unidos ainda não sabiam que o comunismo se acaba sozinho.

Olha o tamanho do sanitario
Olha o tamanho do sanitario
5 anos atrás

esse sanitario era usado para necessidades ou o pessoal tomava banho nele? olha o tamanho dele perto do soldado na foto

Alexandre
Alexandre
5 anos atrás

E a merda terminou com 50.000 americanos mortos – fedeu para eles…

Michel
Michel
5 anos atrás

Os EUA são o covil da Ku Klux Klan…uma absurda e criminosa máfia racista…Os EUA dizimaram milhões de peles vermelhas…Os EUA são o único país que atacou com bomba atômica uma população civil desarmada…Os crimes do governo homicida dos EUA no Iraque, na Síria, na Líbia, no Afeganistão, na Ucrânia, no Vietnã e em diversos outros países são incontáveis…Não devemos esquecer jamais que os EUA são os responsáveis pelo golpe militar no Brasil e por golpes na Argentina, no Chile e em 50 países.

Jean
Jean
5 anos atrás

Concordo com a jararaca ilhoa.

Selmo
Selmo
5 anos atrás

Gostei do comentário do BOTHROPS INSULARIS. Porque tanto ódio pelos Estados Unidos? Eles são uma grande nação pelo próprio trabalho deles. Eles são esforçados, pq nós não imitamos isso? Se têm uma política belicosa é pelo simples fato que quanto mais você tem mais gente vai te odiar, portanto você tem que se defender. Eles aliás lutavam contra a expansão da ditadura comunista. Defendendo seus interesses e ideais, vc não faria o mesmo? Engraçado que viver em ditadura comunista ninguém quer, mas quero ver alguém te dar um passaporte pra Miami… Deviam ler a respeito da revolução russa antes de odiar os EUA. Quanto ao vaso eu respondo: vá a uma guerra e veja se você não fará idiotices parecidas.

Gilvando
Gilvando
5 anos atrás

Mas um americano Privada, BOTHROPS INSULARIS

Telão Ribeiro
5 anos atrás

Lembrando que esta guerra do Vietnã eles perderam e foram escorraçados para fora do país.

Roger
Roger
5 anos atrás

Acho engraçado o pessoal falar que os Eua fizeram vítimas no Camboja e Vietnam , mas se esquecem que quando os comunistas “venceram” a guerra, mataram milhões, tanto no Vietnam, quanto no Camboja. No Camboja, Pol Pot, assinou milhões e torturou e escravizou milhões idem. Era tão sanguinário que fez até torres de esqueletos. Ninguém mais do que os comunistas/socialistas para destruírem a humanidade, suas vidas e esperanças. E a esquerda vive chupando o saco deles. Se querem viver sob o regime socialista, então que vão para os paises que ainda são.

marcos
5 anos atrás

os comentários que aqui vejo ,são de pessoas envergonhadas com o atual desgoverno.
São pessoas frustradas com a sua própria vida,que para desabafar seus problemas ,acessam a web,que por sinal,com toda tecnologia americana”Eu e minha família,nos orgulhamos, e mantemos a tradição de caráter e dignidade,de nunca votar no partido opressor….Abraços!!

Junior
Junior
5 anos atrás

Sei lá, tá meio estranho… olhem o soldado posando pra foto ao lado do vaso sanitário… que vaso gigante!!!

abenaildo
abenaildo
5 anos atrás

por isso que perdeu a guerra

RENATO
RENATO
5 anos atrás

sem contar q o brasil quase foi bombardeado tbm quando o uss forrestal esteve a 12 milhas ou 23.6 km da nossa costa na operação brother sam q daria apoio a operação popeye em 64…

Eduardo Amorim
5 anos atrás

…e perderam a guerra vergonhosamente para guerrilheiros descalços mas que levaram a guerra a sério. E o Ocidente ainda
acredita em marine e avião invisível. Imaginem militares desse quilate, que jogam vasos sanitários no inimigo, enfrentando o Exército Russo de Putin…

Eduardo Amorim
5 anos atrás

…e perderam a guerra vergonhosamente para guerrilheiros descalços mas que levaram a guerra a sério. E o Ocidente ainda
acredita em marine e avião invisível. Imaginem militares desse quilate, que jogam vasos sanitários no inimigo, enfrentando o Exército Russo de Putin… PS: Em tempo; um tal de BOTHROPS INSULARIS escreveu umas coisas aqui e citou Adorno, rs. Para quem não conhece, Adorno é um dos escritores mais reacionários do mundo e, claríssimo, muso da Direita Coxinha.

Márcio Amaral
Márcio Amaral
5 anos atrás

Havia uma confissão nessa “bomba”. Deram-se mal.

Anderson
Anderson
5 anos atrás

os EUA estavam “cagando” pra essa guerra 🙂

H. Romeu Pinto
H. Romeu Pinto
5 anos atrás

Essas fotos são montagem! Onde já se viu uma privada desse tamanho? Na segunda foto dá pra comparar o tamanho de um soldado com o tamanho da “privada”.

LUIZÃO CIA
LUIZÃO CIA
5 anos atrás

Michel
E dois milhões, I say, two milions peoples , de vietcongues

Isso é pixuleko perto do que mataram Pol Pot, Stalin, Mao Tse Tung e porque não Castro eGuevara

Cristiano
Cristiano
5 anos atrás

Examinem com calma, esta é uma daquelas fotos que parece mas não é.
Se prestarem atenção, verão que o rapaz da esquerda (não que seja comunista), se apoia em um tanque de combustível de outro avião que esta logo
atrás. Este efeito é provocado por uma distorção ótica, cujo o fundo na perspectiva nos leva a crer que a privada é muito maior. Agora, se repararmos
no rapaz, que embora esteja trajando uma camisa vermelha mas que também não é comunista, ele esta em uma linha da perspectiva mais próxima do aclamado vaso, perceberemos melhor a relação de tamanho. Caramba! Tô parecendo a “Presidenta” Dilma explicando as coisas com aquele jeitinho todo peculiar que lhe é devido (rsrsrs), será que isso pega?

Tetsuo Shimura
Tetsuo Shimura
5 anos atrás

Os EUA podem ter feito diversas piadas na guerra com o Vietnã, mas uma coisa é certa: tiveram de sair correndo como um cão amedrontado com o rabo entre as pernas.

Previous Post
Embraer Praetor 500

Embraer entrega primeiro Praetor 500 para um cliente brasileiro

Next Post
Em quase 50 anos de história o 747 já voou muito além da aviação comercial e ainda continua se reinventando

As diferentes faces do Boeing 747

Related Posts