Por que ondas de calor podem ser um problema para aeroportos

Calor intenso “derreteu” pedaço da pista em Londres
Pista do aeroporto de Luton, perto de Londres, “derreteu” com onda de calor (Divulgação)

Ainda estamos conhecendo todos os possíveis impactos do aquecimento global. Um exemplo disso é o fechamento de aeroportos por causa do calor intenso, como ocorreu recentemente no Aeroporto de Luton, a cerca de 50 km de Londres.

No último dia 18, quando uma onda de calor passava pela Europa, Luton foi fechado por duas horas e diversos voos foram desviados porque o calor de 37º C “derreteu” um pequeno trecho remendado da pista.

Na verdade, o asfalto não “derrete” mas torna-se menos viscoso conforme a temperatura aumenta. Com isso, a pista fica mais pegajosa e pode sofrer deformações.

O reparo de parte do asfalto tomou cerca de duas horas e o aeroporto foi reaberto. Um porta-voz do aeroporto informou à agência Reuters que pavimento estava de acordo com as especificações de segurança.

Tipos de pavimento

Aeroportos usam materiais diferentes conforme o clima local. De modo geral, concreto é mais resistente ao calor do que asfalto, mas também é mais caro. A mudança climática pode obrigar aeroportos a rever seus materiais e refazer parte das pistas antes do programado.

Na Austrália e no Oriente Médio, aonde temperaturas de 40º C não são incomuns, as pistas estão mais preparadas para ondas de calor. No entanto, materiais mais resistentes a altas temperaturas também sofrem mais em baixas temperaturas.

Impactos operacionais

Em climas mais quentes, aeronaves precisam de pistas mais longas para decolar e sofrem mais restrição de peso. Além disso, precisam de mais tempo para reabastecer e decolar, já que o ar quente é mais rarefeito.

A autoridade de aviação dos Estados Unidos prevê que até nove aeroportos entre os mais movimentados do país terão que ampliar as pistas em até 150 metros nos próximos anos, por causa do calor e da maior precipitação de chuva, que reduz a aderência.

A elevação do nível do mar ainda deve exigir mais investimentos em aeroportos localizados próximos ao mar. Entre as melhorias a serem feitas estão pistas mais elevadas, contentores e aprimoramento dos sistemas de drenagem.

Total
27
Shares
Previous Post

De volta após quatro anos, Farnborough deixou a desejar

Next Post

Força Aérea dos EUA está deslocando 12 caças F-22 Raptor para a Polônia

Related Posts
Total
27
Share