Qatar Airways pode anunciar encomenda do Boeing 777XF na semana que vem

Encontro do emir do Qatar, xeique Tamim bin Hamad al-Thani, com o presidente Joe Biden no dia 31 de janeiro pode servir de palco para anúncio de compra do novo cargueiro, segundo agência
O Boeing 777F da Qatar (Boeing)

Enquanto enfrenta a Airbus nos tribunais britânicos e tem seu pedido de 50 A321neo cancelado pela fabricante europeia, a Qatar Airways está se movimentando em direção à Boeing.

Um exemplo dessa aproximação deverá ocorrer já na próxima semana, durante a visita aos EUA do xeique Tamim bin Hamad al-Thani’, emir do Qatar, que se encontrará com o presidente americano Joe Biden em Washington.

Pode ser a oportunidade para que a esperada encomenda de jatos cargueiros 777XF seja anunciada pela Qatar e a Boeing, segundo fontes da Reuters – as conversas estariam avançadas para fechar a um acordo que pode chegar a 50 aeronaves.

No ano passado, durante o Dubai Airshow, Akbar Al Baker, CEO da Qatar, afirmou que a Boeing havia feito uma oferta da nova aeronave de carga, mas o negócio acabou pendente.

A Qatar já é cliente do 777X configurado para passageiros (Boeing)

Atualmente a Qatar Airways possui 28 jatos de carga, todos eles da Boeing (26 777F e dois 747-8) e pretende substituí-los por um modelo mais avançado nos próximos anos.

A Airbus também teria sido sondada em relação ao A350F, lançado em Dubai, mas as relações estremecidas pelo problema com a pintura das aeronaves A350 da Qatar inviabilizou qualquer evolução sobre o assunto.

Já não é de hoje que a Qatar faz lobby por uma versão cargueira do 777X. Mesmo com o projeto atrasado, a empresa aérea vê na aeronave um potencial jato de grande capacidade de transporte e que se adeque às normas ambientais.

Os atuais aviões de carga como o 777F e o A330-200F não poderá mais ser comercializados a partir de 2028 por das emissões de poluentes.

Total
1
Shares
Previous Post

Embraer reintegra divisão de aviação comercial após fim da parceria com a Boeing

Next Post

‘Mini-Concorde’, Overture será fabricado na Carolina do Norte a partir de 2024

Related Posts