Sukhoi Su-57 de dois assentos controlará o drone de combate Okhotnik

Caça de 5ª geração será capaz de operar quatro aeronaves não tripuladas, segundo imprensa russa
Montagem mostrando uma hipotética versão de dois assentos do SU-57 (montagem sobre foto da UAC)

A Sukhoi está desenvolvendo uma versão de dois assentos do caça Su-57 Felon para servir como aeronave de comando dos drones S-70 Okhotnik, afirmou uma fonte da agência TASS.

A informação reforça os relatos sobre a variante biplace do caça de 5ª geração que circulam há algum tempo. A própria TASS já havia revelado por meio de uma fonte que o Su-57 será capaz de controlar quatro drones ao mesmo tempo.

A operação conjunta entre o Su-57 e o Okhotnik já havia sido confirmada pela UAC, empresa que controla a Sukhoi. Voo em formação com os dois jatos de combate foi realizado no ano passado para comprovar o conceito – e servir também como publicidade dos feitos alcançados pela indústria do país.

O Okhotnik é um avião não tripulado de combate com dimensões bastante generosas. Com formato de asa voadora, o drone possui características furtivas e uma envergadura estimada em 20 metros.

O UAV Okhotnik voa ao lado do SU-57 (UAC)

Acredita-se que a aeronave UAV é equipada com um motor com pós-combustor Saturn AL-31F ou AL-41F e que pode transportar em seus dois compartimentos internos até 2.000 kg de armamentos.

O primeiro voo do Okhotnik ocorreu em agosto de 2019 e a previsão é que a aeronave entre em serviço em 2024.

A dupla Su-57/S-70 poderá realizar missões de defesa aérea e ataque ao solo em conjunto, segundo a fabricante.

O desenvolvimento de uma variante de dois lugares de um caça de 5ª geração é inédita até o momento. Enquanto os Estados Unidos dispensaram a necessidade de aviões com dois assentos, rumores apontam para uma versão biplace do caça J-20 na China.

Total
82
Shares
Previous Post

Chilena SKY recebe seu primeiro A321neo

Next Post

FAB assina acordo com a Sikorsky para apoio logístico dos helicópteros UH-60L Black Hawk

Related Posts
Total
82
Share