Turboélice alemão D328eco deve entrar em serviço em 2026

Aeronave utilizará motores PW127XT-S fornecidos pela Pratt & Whitney e aptos a funcionar com combustível 100% sustentável
O turboélice D328eco deve chegar ao mercado em 2026 (Deutsche Aircraft)

A Deutsche Aircraft, fabricante que desenvolve o turboélice avançado D328eco, admitiu nesta semana que o programa de desenvolvimento sofreu um atraso e agora prevê que a aeronave seja certificada apenas no segundo semestre de 2026. Até então, a empresa, que assumiu o projeto original da Dornier, estimava colocar o turboélice regional em operação em 2025.

O projeto atingiu marcos importantes nos últimos meses, segundo a Deutsche Aircraft, entre eles a conclusão do PDR – Product Design Review em maio e a realização de estudos aerodinâmicos e testes em túnel de evento da configuração aprimorada da aeronave.

Ainda segundo a fabricante alemã, as mudanças foram motivadas pelo primeiro Customer Advisory Board (CAB), que reuniu 10 empresas convidadas a fornecer um feedback sobre o projeto.

Motor anunciado

Nesta sexta-feira, a Deutsche Aircraft anunciou a seleção do motor PW127XT-S fornecido pela Pratt & Whitney Canada para equipar o D328eco – trata-se de uma versão do modelo que é usado pelo ATR 72.

O motor PW127XT, base que será usado no turboélice alemão (PWC)

Uma das principais características do propulsor é a redução nos custos de manutenção e um consumo 3% menor de combustível. A parceria com a empresa canadense também inclui o desenvolvimento de alterações que permitam ao PW127XT-S operar com 100% de combustível sustentável (SAF), incluindo misturas à base de hidrogênio.

O D328eco é baseado no turboélice Dornier 328, que entrou em serviço na década de 90 e foi produzido até 2000.

Em 2019, uma associação de empresas adquiriu os direitos do projeto e relançou a aeronave com diversas modificações, entre elas o aumento do comprimento da fuselagem em dois metros para permitir o transporte de até 43 passageiros.

A montagem do primeiro protótipo deverá começar nos próximos meses na nova instalação da fabricante em Leipzig.

Total
0
Shares
1 comment

Comments are closed.

Previous Post

Boeing apresenta seu novo avião “ecoDemonstrador”

Next Post

Primeiro porta-aviões construído inteiramente na China é lançado ao mar

Related Posts
Total
0
Share