Acionistas da Spirit desistem de fusão com a Frontier Airlines

Após assédio da JetBlue, que instou acionistas a não aceitar proposta da rival, companhia aérea anunciou fim das conversas
Spirit e Frontier: união daria origem à 5ª maior companhia aérea dos EUA

A JetBlue conseguiu melar o acordo de fusão entre a Spirit Airlines e a Frontier. Nesta quarta-feira, em votação dos acionistas após vários adiamentos, a decisão foi por desistir da negociação que daria origem à 5ª maior companhia aérea dos EUA.

A Frontier havia chegado a uma proposta de US$ 2,7 bilhões pelo controle da Spirit Airlines, cujo comitê executivo apoiava apontando riscos regulatórios em uma potencial união com a JetBlue.

Mas os argumentos não convenceram os acionistas, que foram seduzidos pela proposta mais elevada da JetBlue, que deve chegar a US$ 3,7 bilhões – um acordo é esperado para esta quinta-feira, segundo rumores.

A Frontier e a Spirit haviam anunciado um acordo prévio em fevereiro, o que provocou a reação da JetBlue. A empresa nova-iorquina então passou a fazer ofertas agressivas para tentar impedir a fusão.

Embraer E190 da Jetblue (PierreSelim/Wikimedia)

A aquisição da Spirit pela JetBlue deverá dar origem a disputas judiciais já que há em jogo acordos complexos como o acordo Northeast Alliance (NEA) com a American Airlines e mesmo a concentração de mercado.

“Embora estejamos desapontados que os acionistas da Spirit Airlines não tenham reconhecido o valor e o potencial da nossa proposta, o conselho da Frontier adotou uma abordagem disciplinada”, afirmou Bill Franke, CEO da Frontier.

Total
2
Shares
Previous Post

Filipinas cancela compra de helicópteros russos com medo de sanções

Next Post
Boeing 787 Dreamliner

Boeing prevê retomada das entregas do 787 enquanto Airbus posterga aumento na produção do A320

Related Posts
Total
2
Share