Boeing 747-400 - British Airways

O Boeing 747-400 G-CIVB exibia uma das pinturas clássicas da British Airways (BA)

Um Boeing 747-400 recém-aposentado pela British Airways será preservado como um cinema e centro de eventos na Inglaterra. A aeronave foi adquirida pela Kemble Air Services, administradora do aeroporto de Cotswold, em Gloucester, onde o avião ficará permanentemente baseado.

O avião adquirido pela Kemble é o 747 operado pela empresa britânica com matrícula G-CIVB. A aeronave foi um dos dois aparelhos que participaram do voo de despedida do “Jumbo” com as cores da British Airways, em 8 de outubro.

“Estamos contentes por o aeroporto de Cotswold poder dar a uma dessas aeronaves um novo lar e uma nova vida”, disse o novo presidente-executivo da British Airways, Sean Doyle.

A previsão é que a aeronave seja aberta ao público no primeiro semestre de 2021. A administradora do aeroporto em Gloucester informou que parte da receita obtidas nos eventos com 747 serão revertidas para apoiar bolsas de estudo relacionadas à aviação.

O 747-400 G-CIVB entrou em serviço com a British Airways em fevereiro de 1994 e fez seu último voo comercial em abril, na rota Miami-Londres. Nesse período, a aeronave acumulou 13.398 voos e 118.445 horas no ar.

Após quase 50 anos de operações, a BA aposentou seus Boeing 747-400 (BA)

O outro Jumbo que esteve no voo de despedida da companhia, o modelo G-CIVY ficará estacionado no aeroporto de Dunsfold disponível para produções de cinema e televisão.

O Boeing 747, embora famoso em várias partes do mundo, teve no Reino Unido uma das suas mais tradicionais e fieis clientes. A relação da British Airways com o Jumbo começou com a antecessora BOAC que estreou o quadrimotor em 14 de abril de 1971, um modelo 747-100. A empresa também operou a versão 747-200, com maior alcance até que a partir de 1989 tornou-se a maior operadora do 747-400, que oferecia maior capacidade de passageiros e economia de combustível na época.

Veja mais: Rússia pode cortar verbas do Il-96-400M, o avião que ninguém quer