Boeing entrega 100º EA-18G Growler para Marinha dos Estados Unidos

Avião de guerra eletrônica deriva do caça F/A-18E Hornet e é único em sua função no Ocidente
Boeing EA-18G Growler
Boeing EA-18G Growler
Boeing EA-18G Growler
Boeing EA-18G Growler

A Boeing entregou na semana passada o centésimo EA-18G Growler para a Marinha dos Estados Unidos. O avião de guerra eletrônica é o único do gênero no Ocidente capaz de operar em porta-aviões. Como se sabe, trata-se de uma versão para contramedidas eletrônicas do caça F/A18-E Hornet que substituiu o EA-6B Prowler na função.

A produção da aeronave deve se estender até 2016 com as atuais encomendas, mas a Boeing acredita que o EA-18G possa operar até 2040. A empresa acredita que há potencial para mais 50 a 100 aparelhos nos próximos anos.

Não deixa de ser um marco que uma aeronave que faz tanto sucesso tenha se originado de um caça que perdeu a concorrência para a então General Dynamics e seu F-16. Na época, o YF-17 da Northrop (foto abaixo) não correspondeu à expectativa de outra força, a USAF. Mas a Marinha não viu dessa forma, como se vê.

Northrop YF-17
Northrop YF-17

Total
0
Shares
Previous Post

TAM elimina 1ª classe de seus voos internacionais

Next Post
Airbus A380 da Etihad

Etihad anuncia primeiros voos com A380 e 787

Related Posts