O KC-390 pode transportar até 26 toneladas de carga; FAB conta com três aparelhos na frota (Embraer)

Uma aeronave KC-390 Millennium da Força Aérea Brasileira (FAB) partirá na próxima quarta-feira, 12 de agosto, do Aeroporto Internacional de Guarulhos/São Paulo rumo ao Líbano transportando 5,5 toneladas de alimentos, medicamentos, insumos e equipamentos médicos para ajudar as vítimas da explosão no porto de Beirute, ocorrida na última terça-feira, 3. A informação foi antecipada pelo G1.

A princípio, o voo era programado para está segunda-feira, 10, mas a missão postergada em dois dias por “questão de logística”, informou o Ministério da Defesa. O avião vai transportar materiais doados pelo Ministério da Saúde e pela comunidade libanesa radicada no Brasil.

Segundo nota do Itamaraty, o Ministério da Saúde doou quatro kits de atendimento a desastres que contém medicamentos e insumos básicos de saúde capazes de prover assistência emergencial para até 40 mil pessoas, por até um mês. Além disso, o Brasil oferecerá reforço para o atendimento das vítimas, por meio de 16 médicos, entre ortopedistas e anestesistas.

A missão de ajuda do governo brasileiro foi anunciado no domingo pelo presidente Jair Bolsonaro durante uma videoconferência internacional com a participação de outros chefes de estado, entre eles o presidente da França, Emmanuel Macron, e dos EUA, Donald Trump.

“Também estamos preparando o envio, por via marítima, de 4 mil toneladas de arroz para atenuar as consequências das perdas de estoque de cereais destruídos na explosão”, disse Bolsonaro durante a videoconferência.

A forte explosão em Beirute foi causada após um incêndio que atingiu um armazém no porto da cidade contendo 2.750 toneladas de nitrato de amônio. O acidente devastou bairros inteiros da capital libanesa e deixou mais de 150 mortos e 3 mil feridos, além de 300 mil pessoas desabrigadas.

Veja mais: FAB recebe terceira aeronave KC-390 da Embraer