Leornado anuncia mais de 50 vendas do novo helicóptero AW09

Produto mais recente da Leonardo, o AW09 foi desenvolvido originalmente pela fabricante suíça Kopter
O AW09 compete na mesma categoria do Airbus Esquilo, o helicóptero mais vendido do mundo (Kopter)

Helicóptero mais recente no catálogo da Leonardo, o AW09 conquistou diversos clientes nesta semana durante a feira Heli-Expo 2023, em Atlanta, nos Estados Unidos. Em anúncio divulgado nesta quarta-feira (8), a fabricante italiana diz que assinou contratos de vendas preliminares para mais de 50 unidades do modelo com vários compradores no mundo todo.

Os novos clientes do AW09 citados pela empresa são a Aero Service Representação no Brasil, Synerjet Latina SA na Colômbia, Peru e Chle, Helitech Asia no Sudeste Asiático, Saformar na África do Sul, Diskopsa no Panamá e Guatemala, Heliflite na Oceana, Aero Facility no Japão e a Metro Aviation dos EUA.

Siga o AIRWAY nas redes: Facebook | LinkedIn | Youtube | Instagram | Twitter

“O que anunciamos na Heli-Expo é o culminar de três anos de trabalho através dos quais o AW09 beneficiou de melhorias consideráveis e agora atingiu uma configuração final, permitindo oferecer o nível de competitividade que o mercado espera. De fato, o AW09 está gerando uma resposta muito positiva em todas as regiões do mundo”, celebrou Gian Piero Cutillo, diretor da Leonardo Helicopters.

A empresa brasileira Aero Service Representação é um dos clientes do AW09 (Leonardo)

Helicóptero suíço

O AW09 é a versão rebatizada do helicóptero SH09 projetado originalmente pela fabricante suíça Kopter, adquirida pela Leonardo em 2020. Monomotor utilitário de porte leve, o aparelho é uma rara novidade no segmento que tem como principais expoentes os tradicionais Bell 407 e os Airbus H125 e H130.

Segundo dados do fabricante, o AW09 pode voar a velocidade de cruzeiro de 260 km/h e tem alcance de 800 km ou até 5 horas de voo. O peso máximo de decolagem do helicóptero é de 2.800 kg, incluindo uma carga içada de 1.500 kg. Sem a carga externa, o helicóptero decola com 2.650 kg e pode transportar de cinco a oito passageiros. A Leonardo também oferece o modelo em versões para forças policiais e resgate aéreo.

Ainda sob o comando da Kopter, o AW09 foi um dos destaques da LABACE em 2019 (Thiago Vinholes)

Chama atenção o rotor de cauda com as hélices envolvidas por uma carenagem. Esse tipo de configuração é conhecido como Fenestron, mas esse nome é uma marca registrada pela Airbus e por isso outras fabricantes não podem usá-lo.

A primeiro versão do helicóptero projetado pela Kopter voou pela primeira vez em 2 de outubro de 2014. Sob o chapéu da Leonardo, o aparelho incorporou novos sistemas eletrônicos e um nova turbina, a Arriel 2K fornecida pela fabricante francesa Safran.

A despeito do avanço nas vendas, o AW09 ainda segue em fase desenvolvimento. A Leornado ainda não definiu um prazo sobre o início das entregas de seu mais novo produto, que é avaliado em cerca de US$ 3,5 milhões.

Total
0
Shares
Previous Post

JetBlue vai voar entre Nova York e Paris a partir de junho

Next Post
Conceito de supercaça dos EUA

Força Aérea dos EUA quer 200 caças de sexta geração e 1.000 drones de apoio

Related Posts
Total
0
Share