Monomotor LMS-901 decola pela primeira vez

Avião planejado como substituto do lendário Antonov An-2 realizou testes de corrida de decolagem na Rússia dias atrás
O LMS-901 logo após deixar a pista (Reprodução)

O LMS-901, da fabricante russa UZGA, realizou as primeiras decolagens entre os dias 14 e 17, como mostram vídeos divulgados em redes sociais.

A aeronave monomotor não chegou a completar um voo inaugural de fato, apenas levantando brevemente do solo por alguns metros e então pousando na pista durante a mesma corrida.

Equipada com um motor turbélice H80, da GE, o LMS-901 é um avião multifunção desenvolvido como um substituto para os lendários An-2, produzidos pela Antonov desde os anos 40.

A montagem do protótipo, que foi apresentado na MAKS 2021, foi feita pela Baikal Engineering, mas a produção da aeronave deverá ocorrer em Komsomolsk-on-Amur (KnAAZ), fábrica pertecentente à United Aircraft Corporation.

O LMS-901 quer ser o sucessor do An-2

O LMS-901 deveria ter realizado seu primeiro voo no ano passado, mas o programa sofreu atrasos por razões não explicadas.

A UZGA pretende inciar sua produção em série entre 2023 e 2024 a uma cadência anual de 30 aeronaves mas que pode chegar a 50 unidades. O monomotor possui asas altas, trem de pouso fixo, velocidade de até 300 km/h e autonomia de 3 mil km.

O LMS-901 pode transportar até nove passageiros ou 2 toneladas de carga paga. A fabricante pretende oferecer uma variante equipada com um motor russo VK-800S, talvez já de olho em possíveis sanções dos EUA.

Total
44
Shares
Previous Post
(Airway)

LATAM voltará a voar entre o Rio de Janeiro e Lima em março

Next Post

ANAC autoriza drone da iFood a realizar entrega de produtos

Related Posts