Obama quer acabar com programa do F-22

Lockheed Martin F-22 Raptor

Um dos mais caros projetos de caça e um dos programas que mais demoraram para entrar em serviço, o Lockheed Martin F-22 Raptor pode acabar mais cedo do que se imaginava. O presidente Barack Obama já deixou claro que quer encerrar a fabricação do complexo avião, mas o congresso dos Estados Unidos reluta.

Até agora, apenas 187 aparelhos foram encomendados oficialmente e o governo Obama quer encerrar outro programa caro, o da fabricação do motor F136. Para o secretário de defesa do país, o motor F135, da Pratt & Whitney já é suficiente para os novos caças, como o F-35.

Os congressistas, no entanto, recolocaram o F-22 no orçamento de 2010, com a construção de mais 12 aeronaves e a continuação do desenvolvimento do motor F136. A briga será feia.

Total
0
Shares
0 0 votes
Article Rating
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
SérgioxD
SérgioxD
11 anos atrás

Qual é o conhecimento sobre aviação que o Senhor Obama possui?

O próprio ministro de defesa dos EUA afirmou que a USAF precisará de pelo menos 257 unidades do F-22 operacional, para garantir a soberania total dos céus em qualquer situação…

Acredito que o desenvolvimento do melhor caça da história humana irá proseguir, principalmente devido ao Protótipo Russo-indiano o PAK-FA ter entrado na jogada.

Previous Post

IAI entrega 1º Kfir modernizado para a Colômbia

Next Post

Boeing 787 atrasa novamente

Related Posts