Primeiro 737 MAX 8-200 da Ryanair está a caminho da Irlanda

Após adiamentos, aeronave com 197 assentos decolou de Seattle nesta quarta-feira, marcando a primeira entrega da nova aeronave à companhia low cost
A Ryanair possui 210 pedidos firmes do 737 MAX (Divulgação)

Mais de dois anos após o plano inicial, a Ryanair está prestes a receber seu primeiro 737 MAX 8-200 nesta quarta-feira, 16. A aeronave da Boeing, prefixo EI-HEN, decolou de Seattle durante a madrugada na costa oeste dos EUA e deve pousar em Dublin até o fim do dia.

A variante encomenda pela companhia de baixo custo é de alta densidade e foi certificada em 2021 para transportar até 207 passageiros, mas foi configurada com 197 assentos. Como principal diferença, ela possui duas saídas de emergência extras na porção traseira da fuselagem.

A Ryanair esperava contar com aeronaves suficientes para aproveitar a temporada de verão na Europa, mas novos atrasos da Boeing impossibilitaram sua estreia antes.

Originalmente, a companhia aérea irlandesa deveria ter recebido o primeiro 737 MAX 8-200 em abril de 2019, porém, o aterramento do jato de um corredor em março daquele ano por conta de dois acidentes fatais fez com os planos fossem postergados.

O 737 MAX 8-200 prefixo EI-HEN a caminho de Dublin (ADS Exchange)

Apesar disso, a Ryanair não deixou de acreditar na eficiência da nova geração do 737 a ponto de em dezembro de 2020 ampliar as encomendas firmes em 75 unidades para 210 aeronaves.

O primeiro acordo entre Boeing e Ryanair foi assinado em 2014 com 100 pedidos firmes. Em 2017, houve um pedido extra de 10 aeronaves e no ano seguinte, o total foi acrescido em 25 aviões.

A Ryanair possui atualmente uma frota de 251 Boeing 737-800 e um 737-700.

Total
21
Shares
Previous Post

De olho na China, Airbus e Boeing celebram trégua comercial entre EUA e Europa

Next Post
Vitaly V. Kuzmin

Caça Sukhoi Su-57 terá versão de dois lugares

Related Posts