Primeiro A321neo da JetSMART é entregue

Companhia aérea de ultra baixo custo chilena tem sido uma das mais agressivas na América Latina
Primeiro A321neo da JetSMART (Airbus)

A Airbus entregou o primeiro A321neo para a companhia aérea ultra low cost chilena JetSMART nesta semana. Embora a empresa tenha um pedido de 61 aeronaves do modelo, o jato em questão é fruto de um contrato de leasing com o Aviation Capítal Group.

A JetSMART utilizará seu A321neo, matrícula CC-AWT, com a configuração máxima de 240 lugares, 54 a mais que os A320neo atualmente em sua frota.

“A entrega do nosso primeiro A321neo marca o início de uma nova era para a JetSMART, apoiando nossa visão de atender 100 milhões de passageiros até 2028. É também um passo importante para nos tornarmos a líder ULCC na América do Sul. Trabalhamos com a Airbus para configurar nosso A321neo como a aeronave mais competitiva do mercado, mantendo nosso foco em sustentabilidade e tarifas ultrabaixas”, disse Estuardo Ortiz, CEO da JetSMART.

A Azul é a maior operadora do A321neo na América do Sul, com seis jatos (Airbus)

A frota da JetSMART é hoje formada por seis A320neo e onze A320-200, da primeira geração. Há ainda outros seis A320ceo na subsidiária argentina.

Pertencente ao Indigo Partners, também dono da Frontier Airlines e Wizz Airlines, o JetSMART tem ampliado sua presença na América Latina com rapidez, só interrompida por conta da pandemia do Covid-19. Um segundo A321neo está a caminho e deverá receberá a matrícula CC-AWS.

Além da JetSMART, duas outras companhias aéreas sul-americanas operam o A321neo no momento, a Azul, com seis aeronaves, e a rival chilena SKY Airline, com outras três aeronaves. Em 2023, o ‘grupo’ contará com um novo integrante, a LATAM, que receberá três A321neo por meio de leasing.

 

Total
1
Shares
Previous Post

Gol vê receita crescer em meio a impasse com funcionários

Next Post

Jatos da Embraer conseguiram dobrar número de passageiros em ilha turística no Vietnã

Related Posts
Total
1
Share