Próxima fábrica da Airbus será no… espaço!

Consórcio liderado pelo grupo europeu propõe construir uma fábrica de componentes de satélites e naves espaciais na órbita da Terra

A Comissão Europeia Horizon 2020 anunciou nesta quinta-feira (11) que o consórcio liderado pela Airbus foi selecionado para elaborar o conceito de uma “fábrica orbital” para atender o “Projeto PERIOD” (PERASPERA In-Orbit Demonstration). A ideia é criar uma linha de montagem e produção robotizada de componentes para satélites e naves especiais na órbita da Terra.

Na primeira etapa do estudo, chamada “fase A/B1”, a Airbus e seus parceiros vão receber 3 milhões de euros da União Europeia para financiar o estudo, que terá duração de dois anos. Na estágio seguinte, o grupo deverá apresentar um demontrador da fábrica espacial.

“Este é o precursor da futura fabricação de grandes estruturas no espaço. Produzir diretamente em órbita revolucionará a forma como os sistemas espaciais são desenhados, construídos e operados, além de contar com vantagens significativas sobre a abordagem tradicional, onde tudo é feito na Terra e depois transportado para o espaço, uma vez que os objetos produzidos em órbita estão livres das limitações e requisitos de lançamento”, diz a Airbus.

Concepção artística da “fábrica orbital” da Airbus (Airbus)

Em comunicado, o grupo europeia menciona que o projeto tem potencial para estimular mais pesquisas, além de criar oportunidades mercadológicas, gerando empregos de alto nível e levando ao surgimento de tecnologias mais avançadas.

“A Airbus tem trabalhado por mais de uma década em tecnologias de fabricação em órbita e o programa PERIOD ajudará a Europa a elevar seus conhecimentos tecnológicos combinados ao próximo nível’’, explica Silvio Sandrone, chefe de projetos futuros de exploração espacial na Airbus. “Os futuros sistemas espaciais em larga escala só poderão ser fabricados e montados em órbita, por isso é tão importante que a Europa esteja na vanguarda desta capacidade chave’’.

Total
43
Shares
Previous Post

Último A380 produzido pela Airbus é flagrado na França

Next Post

Southwest deve fazer encomenda gigante do 737 MAX 7, diz site

Related Posts