Rússia já planeja versão atualizada do caça Sukhoi Su-57

Produção da aeronave de combate com novos aviônicos está prevista para começar em 2025
O Ministério da Defesa russo encomendou 76 caças Su-57; jatos serão entregues até 2028 (UAC)
O Ministério da Defesa russo encomendou 76 caças Su-57; jatos serão entregues até 2028 (UAC)

Avião de caça mais moderno da força aérea da Rússia, o jato de quinta geração Sukhoi Su-57 ficará ainda mais avançado nos próximos anos. Segundo apuração da agência de notícias russa TASS, a produção do modelo reformulado está prevista para começar em meados de 2025.

Uma fonte com conhecimento do tema consultada pela publicação afirmou que a nova versão do jato de combate contará com uma “cabine totalmente atualizada e com os mais avançados aviônicos”. O interlocutor disse ainda que a aeronave receberá um novo motor. A versão renovada será baseada no modelo monoposto, acrescentou.

Conforme já relatado pela TASS, a Sukhoi também está trabalhando numa variante do Su-57 com dois assentos. Esse modelo é projetado para controlar um “enxame” de drones de combate, no caso o modelo stealth Okhotnik.

A força aérea russa deve receber 24 exemplares do Su-57 até o fim de 2024 e outras 52 unidades até 2028. A aeronave foi oficialmente comissionada na Rússia em dezembro de 2020, embora ela ainda esteja em fase de testes com uma frota mista composto por 12 modelos de ensaio e de série.

Resposta tardia da Rússia ao caça norte-americano Lockheed Martin F-22 Raptor, o Su-57 é um caça supersônico multifuncional. Ou seja, ele pode atuar contra alvos aéreos, terrestres e navais. É também o primeiro avião russo com capacidade stealth (“invísivel” aos radares), tecnologia até então dominada somente pelos Estados Unidos e China.

Total
102
Shares
Previous Post

Embraer e SkyWest fecham novo acordo para mais 16 jatos E175

Next Post

Kenya Airways planeja operar “carros voadores” da Embraer

Related Posts