Virgin Atlantic volta a adiar voo entre Londres e São Paulo, agora para 2025

Rota será sua primeira para a América do Sul e deveria ter início em maio de 2024. É o segundo adiamento anunciado pela companhia aérea britânica
A Virgin Atlantic voltou a postergar estreia em São Paulo (Mark Harkin)

A companhia aérea do bilionário Richard Branson decepcionou novamente. A Virgin Atlantic confirmou dias atrás que postergou o início do voo diário entre Londres (Heathrow) e São Paulo (Guarulhos).

O voo, que deveria ter início em 13 de maio de 2024, agora só ocorrerá a partir de 2025, segundo um comunicado enviado pela empresa para sites no exterior.

“Revisamos regularmente nossa rede para garantir que ela seja tão forte e eficiente quanto possível. Após uma revisão de nosso próximo programa de voos para 2024, moveremos o início de nossos tão esperados serviços para São Paulo para 2025”, disse o diretor comercial Juha Jarvinen.

O executivo, no entanto, não explicou qual a razão do adiamento nem quando a nova programação será lançada, embora se espere que isso ocorra no meio do ano.

Promessa já tem quase cinco anos

O voo da Virgin Atlantic para o Brasil tem sido prometido há vários anos. A empresa aérea britânica anunciou os planos de estabelecer uma rota para São Paulo em março 2019 e marcou o início dos voos para março de 2020.

Semanas antes da estreia, a Virgin decidiu cancelar o voo em meio ao início da pandemia do Covid-19. Nesse meio tempo, a LATAM fechou um code-share com a empresa em virtude da entrada da Delta Air Lines na sociedade do grupo chileno.

Richard Branson: o bilionário britânico chegou a vir ao Brasil para falar da estreia da companhia mas quase cinco anos nada de voo (Virgin Galactic)

Em junho, no entanto, a Virgin Atlantic relançou o voo diário a ser operado com o Boeing 787-9 Dreamliner. As passagens aéreas começaram a ser vendidas em setembro, com preços em torno de R$ 4.200 por pessoa na classe econômica.

A entrada da Virgin na rota Londres-São Paulo deveria acirrar a competição com a British Airways e a LATAM. Richard Branson até chegou a vir ao Brasil para anunciar o voo e criticar sua rival britânica.

Siga o AIRWAY nas redes: Facebook | LinkedIn | Youtube | Instagram | Twitter

Segundo a empresa aérea, os passageiros que já compraram seus bilhetes serão contatados para discutir reembolsos e remarcações.

Como maior cidade da América do Sul e centro econômico e financeiro do Brasil, São Paulo deverá ser a porta de entrada para a Virgin na região e sua primeira rota para o continente. Mas parece que a companhia anda precisando falar menos e fazer mais.

 

Total
0
Shares
1 comment

Comments are closed.

Previous Post

Companhia aérea da Malásia garante que vai receber seus novos Embraer E195-E2

Next Post

Azul vai trocar motores turboélices por elétricos em seus Cessna Caravan

Related Posts
Total
0
Share