Como é o abate de aviões hostis no Brasil

Conheça os procedimentos que a Força Aérea Brasileira deve seguir ao interceptar uma aeronave hostil
O caça supersônico F-5 pode ser empregado na interceptação de aeronaves de alta performance (FAB)
O caça supersônico F-5 pode ser empregado na interceptação de aeronaves de alta performance (FAB)
O caça supersônico F-5 pode ser empregado na interceptação de aeronaves de alta performance (FAB)

Recentemente, o novo presidente da Argentina, Mauricio Macri, baixou um decreto de emergência que autoriza o abate de aeronaves de pequeno porte suspeitas de carregarem drogas. Opositores de Macri, no entanto, criticaram a medida: Nicolás del Caño, deputado da Frente de Esquerda, contou ao jornal El País que a ação é uma “pena de morte sem julgamento prévio”.

No entanto, o que houve foi uma redução de “burocracia” no procedimento de abate de uma suposta aeronave hostil. A ministra da segurança da Argentina, Patricia Bullrich, defendeu a medida, que recebeu o nome “lei de derruba”. “Cada vez que for detectada uma aeronave que não quer identificar-se, serão enviados dois alertas. Se continuar sem identificar-se, será enviado um avião da Força Aérea, que lhe pede que aterrisse e, no caso de não aceitar e ser hostil, utiliza-se uma medida extrema”, afirmou a parlamentar.

A mudança que Macri realizou na lei argentina é semelhante a que vigora no Brasil: o abate pode ser autorizado por um comandante da aeronáutica e não necessariamente pelo presidente. Mas até o “tiro de detenção”, a última medida, há uma série de procedimentos que os pilotos militares devem seguir durante uma interceptação.

Abate de aviões hostis no Brasil

A interceptação de uma aeronave supostamente hostil começa com um alerta nos radares da Força Aérea Brasileira (FAB). Todos os aviões e helicópteros que voam pelo espaço aéreo brasileiro precisam ter um plano de voo definido e aprovado, o que também é um procedimento padrão na aviação mundial. Quando uma aeronave não segue essa ordem, inicia-se uma série de procedimentos de identificação e alertas, que se não forem respeitados podem levar a medida de “destruição”, como define o código da Aeronáutica.

O Super Tucano é o principal avião da FAB para o combate ao narcotráfico (FAB)
O Super Tucano é o principal avião da FAB para o combate ao narcotráfico (FAB)

O contato começa por rádio, onde é pedido que a aeronave e tripulação sejam identificados imediatamente e revelem sua rota. Se o chamado não for respondido, a FAB envia a “cavalaria”. Nesse caso, podem ser destacados os caças F-5 e A-1 ou até o turbo-hélice Embraer Super Tucano e o helicóptero de ataque AH-2 Sabre.

Ao encontrarem a aeronave suspeita, os pilotos da FAB repetem os procedimentos de identificação e novo curso a ser seguido, mas desta vez com contato visual direto. Se a nova ordem não for acatada, é iniciado o procedimento de “persuasão”. O caça se posiciona na traseira do avião não identificado e inicia uma sequência de disparos de alerta com munição traçante (uma bala com uma espécie de recurso pirotécnico que a torna visível).

O helicóptero de ataque AH-2 também pode ser empregado na interceptação de aeronaves de baixa performance (FAB)
O helicóptero AH-2 também pode ser empregado na interceptação de aeronaves de baixa performance (FAB)

Se nem essa ação surtir efeito, a aeronave não identificada é enfim classificada como “hostil” e um oficial do Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (COMDABRA) ou até o presidente (ou um membro delegado diretamente) pode autorizar a medida de destruição.

Como descrito no decreto presidencial nº 5.144, de julho de 2004, a medida de destruição “consiste no disparo de tiros, feitos pela aeronave de interceptação, com a finalidade de provocar danos e impedir o prosseguimento do voo da aeronave hostil e somente poderá ser utilizada como último recurso e após o cumprimento de todos os procedimentos que previnam a perda de vidas inocentes, no ar ou em terra”

A medida de interceptação da FAB, que ficou conhecida como “Lei de Abate”, visa deter principalmente aviões que transportam drogas, na maioria modelos de pequeno porte, que voam tanto em território nacional como entre as fronteiras. Os mesmos procedimentos também podem ser aplicados em interceptações de aviões a jato ou até modelos militares de outros países, caso classificados como hostis.

Em outubro de 2015, um Super Tucano da FAB abriu fogo contra uma aeronave de pequeno porte que se recusou a responder as orientações dos pilotos, em Japorã, no Mato Grosso do Sul. O avião alvejado, porém, conseguiu evadir para o Paraguai. Por questões estratégicas, a Aeronáutica não divulga quantas aeronaves já foram interceptadas no espaço aéreo nacional.

Veja mais: Saiba como pegar “carona” nos aviões da FAB

Total
0
Shares
0 0 votes
Article Rating
85 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
paulo
paulo
6 anos atrás

só nao pode abater nenhum aviao cubano ou da venezuela senao o jaques wagner da a conta pra vcs viu? mesmo que estajam entupidos de cocaina…. o jackes vai ficar contrariado

paulo
paulo
6 anos atrás

Tem os avioes carregados de cocaina e pasta base que vao direto pro aeroportos controlados por jackes wagner? a presidencia manda abater esse tb? ou os companheiros tem passe livre nos nossos céus?

Lilian
Lilian
6 anos atrás

Primeiro que os invasores sao avioes sem armas.
Pilotos da Forca Aerea Brasileira voam pouco logo voam mau.
Por ultimo a burrocracia eh tao grande que até chegar uma ordem de abate … o cara ja foi para casa passar o natal com a familia.

Dilma
6 anos atrás

Neste caso podemos verificar que a esquerda ficou mordida com essa nova medida devido ao narcotráfico ser uma base de negócio de todos os países de esquerda. Para os defensores da esquerda, meu sinto muito mas vocês são pragas

Renato Ciapina
Renato Ciapina
6 anos atrás

Suas matérias são bem interessantes! Texto bem redigido, sucesso!

Paulo
Paulo
6 anos atrás

No papel tudo funcionando perfeitamente.
Na prática, qualquer um pode roubar uma aeronave em SP e levar pro Paraguai.
Que diga o papai noel que roubou o helicóptero e levou oro Paraguai.

André
André
6 anos atrás

Parabéns pela matéria. Assunto muito interessante. Meu filho se interessa muito aos assuntos ligados a aviação. Vc saberia dizer se existe algum outro site parecido com o flight radar 24? Obrigado pela atenção?

Ailton do Nascimento
Ailton do Nascimento
6 anos atrás

… Boa noite, eu sou do tempo do si senhor. Não Senhor. Me da licença, posso ir embora.

” Também é um lugar para cada coisa, cada coisa em seu lugar”

Ernesto
Ernesto
6 anos atrás

Vamos falar da FAB e com muito respeito, pois pelo que leio aqui, só tem gente envolvendo presidente e deputados e nada fazem para mudar a situação. Saibam vocês pessimistas, gente de esquerda ou de direita: estou cansado de ver vocês falando mau do Brasil e sempre tentando rebaixar. A maioria que posta algum comentário aqui só sabe falar de política, corrupção e tal, fugindo totalmente da questão. A coisa tem que funcionar sim, escreveu não leu, pau comeu! Tem que derrubar sim, por ao chão, mostrar quem manda e pronto. Peço respeito com nossa Força Aérea que tem toda uma historia, tem honra, nossa Marinha e Exército. Por gentileza peço a quem não sabe fazer outra coisa a não ser criticar, que se eduque e tenha respeito. Não apoio governo e políticos corruptos,mas a s Forças Armadas não tem que pagar o pato. Temos grandes pilotos, fuzileiros Navais e Soldados. Brasil acima de Tudo, terra amada, não tenho vergonha nenhuma, não sou como vocês de mente tapada (síndrome de vira-lata). Estou falando da terra e não das coisas e pessoas erradas!!!

Jeca Tatu
Jeca Tatu
6 anos atrás

E o helicóptero do pó mineiro ? Pode abater esse ?

Ernesto
Ernesto
6 anos atrás

Senhores não fujam da questão por gentileza. A coisa tem que funcionar sim, escreveu não leu, pau comeu! Tem que derrubar sim, por ao chão, mostrar quem manda e pronto. Peço respeito com nossa Força Aérea que tem toda uma historia, tem honra, nossa Marinha e Exército. Por gentileza peço a quem não sabe fazer outra coisa a não ser criticar, que se eduque e tenha respeito. Não apoio governo e políticos corruptos,mas a s Forças Armadas não tem que pagar o pato. Temos grande pilotos, fuzileiros Navais e Soldados. Brasil acima de Tudo, terra amada, estou falando da terra e não das coisas e pessoas erradas!!!

Antonio
Antonio
6 anos atrás

Lilian , voce tem certeza do que pensa? Os pilotos do supertucano integram a esquadrilha da fumaça , que sempre fatura premios em acrobacia aéreas no mundo todo , O supertucano consegue acompanhar qualquer avião comercial civil , inclusive jatos , eu nao queria ter uma escolta dessa aeronave jamais.

Gustavo
Gustavo
6 anos atrás

O helicoptero de cocaína do Pórrela foi interceptado?

Joao Silva
Joao Silva
6 anos atrás

Pode derrubar helicóptero cheio de pó mineiro ?

Odair
Odair
6 anos atrás

Quem for contra eh porque tem o rabo preso com o narcotrafico, ou nao.

Alberto Medeiros
Alberto Medeiros
6 anos atrás

Parabéns pela matéria. Como sugestão, acho interessante citar o crédito de autoria das belas fotos que ilustraram o texto. Um abraço .

Antôninho da Silva Lopes

O único avião hostil que voa sobre o território brasileiro, é quando a madame volta de suas viagens internacionais, que não são poucas. Deveria ser abatido pois é persona non grata para quase toda a nação, de resto a única ameaça alada e o Aedes Aegypti !

Orestes
6 anos atrás

Por avião hostil se entende um avião militar. Nesse caso seria o contrário, o avião da FAB é que seria abatido, facilmente, pelo avião hostil, já que esses cacinhas suecos (Gripen) são muito inferiores aos aviões de combate do Peru, do Chile e da Argentina, entre outros

WILLIAM
6 anos atrás

Na minha opinião, a aeronave que não se identificar deve receber detonação sem uma segunda opção. O espaço aéreo de uma nação deve ser respeitado. se não quer levar bala, identifique-se.

Carneiro
Carneiro
6 anos atrás

Concordo com o Ernesto! Se houvesse por parte das pessoas esclarecidas amor ao nosso país, patriotismo, tudo isso que o Brasil está passando não existiria (corrupção generalizada nos órgãos públicos e no aparato judicial!), pois haveria consciência do dever!!!
Os pilotos da FAB estão entre os melhores do mundo, pode ter certeza!!!
Abater avião de traficante é uma obrigação!
Parabéns ao caçadores da FAB!
Brasil Acima de Tudo!!!

Jaime
Jaime
6 anos atrás

Thiago parabéns pelo texto. Gosto muito das suas postagens, sempre bem escritas e interessantes. Abraços.

fernando jorge
6 anos atrás

Realmente sim tem de abater pois muito dessa droga para na mão de filhos brasileiros e uma praga mas temos mesmo de fazer isso e em solo firme pois para passar drogas de um pais para o outro a qui na America do sul e facil pois as fronteiras são mau vigiadas e o mesmo empenho que se da no ar não se da na terra nem nos rios que tambem são via de escoamento pra essa porcaria que infesta u mundo!!
Não e só o fato de abater e o fato de destruir pistas de pouso de eliminar acampamentos no meio da selva bem camuflados e de que pequenos barcos em rios também transportam ai vêm a pergunta cade os outros orgãos que deveriam estar fafendo o seu papel duro e rispido se tem de abater em vôou tem de se abater em terra e agua tambem!!!!!!

Cortez
Cortez
6 anos atrás

Acredito muito na força aérea Brasileira, não tenho dúvida de que são pilotos experientes, e que devem seguir ordens… entretanto concordo com o comentário da colega Lilian ” Por ultimo a burrocracia eh tao grande que até chegar uma ordem de abate … o cara já foi para casa passar o natal com a familia.” ; Isso é verdade, traficante não tem alma, e não liga se vai ou não morrer, se a lei determina que toda aeronave tem que ter um plano de voo, logo quem não tem é ou está clandestinamente ocupando os céus Brasileiros de forma errada, ou criminosa, na dúvida deve ser abatido sim e rápido.
Este é um país que da muita chance pra vagabundo se criar e isso tem que acabar!

Melo
Melo
6 anos atrás

Imagine só no Brasil.

Força aérea: Se você for um terrorista saiba que nisso país pagará uma bolsa de R$ 3mil reais, lhe dará moradia segura 24horas e deixará você andar livremente pelo nosso país desfrutando das belezas naturais.

Terrorista: Ok, estou desistindo dos atentados vou pegar umas 7 novinhas melhor do que esperar 7 virgem no céu.

Etelvino Ferreira
Etelvino Ferreira
6 anos atrás

Aí Ernesto concordo plenamente.

Daniel
Daniel
6 anos atrás

Macri sancionou a lei do abate?

Só se for com estilingue.

Duda
6 anos atrás

Boa Ernesto!
Concordo com vc! Tb estou cheio de gente que só mete o pau no Brasil como se todo mundo aqui fosse desonesto e medíocre.
Em meio à tanta coisa errada TB temos motivos de orgulho

mauro
mauro
6 anos atrás

mas quem tem que ser abatido é os politicos e não esses avioes mequetrefe que é só para despistar vai no iate do lula e cvoceis vão ver o que tem la dentro as forças armadas continuam traindo o povo e seu pais todos farinha do mesmo saco.

Paulo César Pompeu
Paulo César Pompeu
6 anos atrás

No Brasil já aconteceram roubos de aeronaves sendo mantidos a bordo como reféns os seus pilotos, que são levados para países vizinhos e por lá eliminados. É de se imaginar a situação na qual se encontre esse piloto, obrigado a pilotar um avião com uma arma na nuca e sem poder falar no rádio, e ainda por cima sendo abordado por uma aeronave da FAB que o investiga como piloto de aeronave “intrusa” e que depois da “persuasão” venha a abatê-lo em pleno vôo, após decretação sumária da pena de morte ao piloto e ocupantes desse avião. Em verdade, o que se aplica é puramente a pena de morte ao(s) ocupante(s) desse avião (o que a Constituição Federal proíbe no Brasil) através de um julgamento sumaríssimo feito por um militar, sem ser dado ao “infrator” direito de defesa, o que também é proibido pela Constituição Federal do Brasil. Se o Brasil fosse um país sério, exigiria das autoridades militares “cumpanheiras” de países vizinhos que sobrevivem do crime organizado (furto de veículos, contrabando, tráfico de drogas (muitas vezes mediante troca de aeronave por droga), para o Brasil. Na ação bastaria seguir a aeronave no território brasileiro até o seu pouso no Brasil e ali abordá-la (uma hora essa aeronave tem que pousar, por óbvio), ou se a mesma empreendesse fuga para país vizinho, informar a situação imediatamente dessa aeronave às autoridades estrangeiras exigindo mediante tratado sério com governo local, a abordagem da mesma aos militares locais por invasão de seu espaço aéreo ou pouso nesses países, na tentativa de fuga do Brasil. O problema é que o Brasil não exerce pressão nenhuma contra traficantes de países vizinhos e seus governos (“companheiros”), principalmente. Aí criou-se a solução mais simples, ao meu ver irresponsável de se atirar e matar em todo mundo que desobedeça à “persuasão”. correndo-se o risco de matar inocente. É muito poder ao meu ver, ilegal para que se possa decidir entre a vida ou morte, até mesmo de um inocente piloto sequestrado.

Jonas Paulo Negreiros
6 anos atrás

Alguém se lembra do episódio que envolveu um Boeing da Gol e um jatinho da Embraer?

Daniel
Daniel
6 anos atrás

Helipópteros a caminho do Aeciporto tem trânsito livre.

Dalton
Dalton
6 anos atrás

Concordo com vc Ernesto, mas também concordo com a Lilian. Porque permitiram aquela aeronave classificada como hostil evadir ao Paraguai? Não me informei sobre este assunto mas acredito que tenha sido ausência de comando, ou seja, não houve ninguém para autorizar o piloto em tempo hábil. Estou errado? Em relação ao governo da presidanta quero dizer apenas duas únicas mensagens: a classe média do Brasil, que é a locomotiva da opinião nacional, tem que aprender a votar ou voltar a ter vergonha na cara; e o povo tem que aprender a valorizar o trabalho ao invés de se vender por alguns pratos de comida (chamado bolsa esmola)… exige sim esse benefício mas deveria se esforçar para sair dessa esmola federal.

CARLOS A. NOGUEIRA DE CARVALHO
CARLOS A. NOGUEIRA DE CARVALHO
6 anos atrás

OS MILITARES DO BRASIL (FAB, MARINHA E EXÉRCITO) TEM HONRA EM SUA HISTÓRIA. SÃO VÍTIMAS ASSIM COMO NÓS DESSE GOVERNO CORRUPTO E INFAME… SOFREM COM POUCOS INVESTIMENTOS, POUCOS RECURSOS, ETC…
RESUMINDO, NUM PAÍS ONDE NOSSA PRINCIPAL ESTATAL (PETROBRÁS) É ROUBADA AOS BILHÕES E AS PESSOAS TEM CORAGEM DE PROTESTAR POR CAUSA DE 0,30 CENTAVOS, NOSSOS MILITARES SÃO NOSSA ÚLTIMA ESPERANÇA !!!!!!
ACORDEM!!!!!!!

Sérgio William
Sérgio William
6 anos atrás

O problema é que ninguém nunca (NUNCA!) viu, presenciou, teve notícia ou seja lá o que for, em matéria de informação concreta de que o país (BRASIL), realmente abateu um avião – ou as centenas de aviões repletos de drogas e outras porcarias – que cortam os céus do nosso país maravilha…
Se for uma aeronave de qualquer (QUALQUER!) país de esquerda, então…
Nunca um avião desses países de merda e de ditadores será abatido nesta terra verde-amarelo…
Infelizmente!
Parabéns, Argentina! Mudou os rumos… Para melhor.

Herman
Herman
6 anos atrás

Força aérea, façam o seu papel, “Senta a Pua”

Herman
Herman
6 anos atrás

Força aérea, faça o seu papel, “Senta a Pua”

Reinaldo
Reinaldo
6 anos atrás

Que pena que aquele helicóptero,recheado de pó, envolvido com um certo politico de Minas Gerais,não fora abatido….

Trentini
Trentini
6 anos atrás

Liliam, da onde você viu ou leu que os pilotos da FAB voam pouco? Da um pulo nas fronteiras no sul do país ou no norte do país.

É como disse o Ernesto, escreveu não leu, pau comeu!

Não tem essa de ficar falando que “ah, o coitadinho do avião do traficante não tem arma”

O aviso foi dado e não cumpriu as ordem!! SENTA PUA!!!!!

IDS
IDS
6 anos atrás

Ernesto,
Concordo plenamente contigo, parabéns pelo seu comentário.

CARLOS NOGUEIRA
CARLOS NOGUEIRA
6 anos atrás

OS MILITARES DO BRASIL (FAB, MARINHA E EXÉRCITO) TEM HONRA EM SUA HISTÓRIA. SÃO VÍTIMAS ASSIM COMO NÓS DESSE GOVERNO CORRUPTO E INFAME… SOFREM COM POUCOS INVESTIMENTOS, POUCOS RECURSOS, ETC…
RESUMINDO, NUM PAÍS ONDE NOSSA PRINCIPAL ESTATAL (PETROBRÁS) É ROUBADA AOS BILHÕES E AS PESSOAS TEM CORAGEM DE PROTESTAR POR CAUSA DE 0,30 CENTAVOS, NOSSOS MILITARES SÃO NOSSA ÚLTIMA ESPERANÇA !!!!!!
ACORDEM!!!!!!!!!

Gilberto
Gilberto
6 anos atrás

Pessoal, vamos corrigir o português por favor, não é falar “mau do Brasil” e sim falar “mal do Brasil”. Tenham piedade da nossa língua.

Antônio
Antônio
6 anos atrás

Ernesto. Estou com você. Haja pessimismo e gente falando mal sem trazer solução nenhuma. Corrupção e bandidos sempre houve na história do país. Ainda que agora muitos estão sendo presos o que não acontecia no passado. Quanto as forças armadas, todos se esquecem inclusive dos soldados que estão vivendo em outros países com forças de paz. Fazer o que?

Rodrigo
Rodrigo
6 anos atrás

Interessante a matéria. Explica bem como funciona. Como sempre tem gente falando mal e criticando como as ações são tomadas (quase sempre confundindo criticas políticas com as ações de especialistas na área).

Peres
Peres
6 anos atrás

Aqui no Brasil é diferente, eles pedem que o avião suspeito aterrisse e roubam a carga. Alguns casos aterrissam e negociam 80% do valor da carga e liberam a viagem!

Ricardo
Ricardo
6 anos atrás

Quando essa medida foi implementada achei que iriam abater duzentas aeronaves suspeitas por dia.

Roberto Fontes
6 anos atrás

historia da carochinha esse aviões velhoe e ultrapassado não derruba nem ultraleve, o brasil é um pais abandonado cheio de corrupção qualquer um entra e sai do pais com um teco-teco cheio de cocaina essas forças aereas é uma enganação tem politico que caiu em minas com avião cheio de cocaina e ta na politica ate hoje, conto da carochinha pais corrupto dirigidos por bandidos se tivesse que abater alguem o primeiro seria o avão da nossa presidenta que anda cheio de “drogas” dilma lula ze dirceu genoino cunha…..

Diogo Hosp
Diogo Hosp
6 anos atrás

Uma pequena correção no fim da matéria. O avião alvejado em Out/2015 não fugiu para o Paraguai. Ele pousou no Paraná, numa pista clandestina conhecida pelas autoridades como rota de trafico de drogas e armas.

Roberto
Roberto
6 anos atrás

As forças armadas são compostas de pessoas e pessoas são vulneráveis, frágeis e falhas, não que sejam uma espécie de “exemplos” de honestidade,,tem corrupção e falhas em todos os lugares, principalmente no brasil.
Mas não vamos misturar as coisas,concordo com quem disse que temos excelentes pilotos, soldados,oficiais,enfim,,não é assim também,,temos excelentes militares em todas as forças e totalmente comprometidos com o nosso país.
Não é porque temos um governo e uma série de políticos corruptos que temos de desmerecer tudo de forma generalizada!
Não sei se o critério do abate seria aplicado caso a aeronave fosse americana,,não sei,,derrubar um avião da maior potência do mundo,,,difícil conjecturarmos a respeito,,,se bem que teve a tragédia do Legacy,,e nada aconteceu com eles e penso que se tivesse sido o contrário talvez eles tivessem vindo aqui e levado o piloto para território americano,,,,
Mas fica aqui o meu parabéns a todos os militares,,,pessoas que estão dispostas a arriscarem as suas vidas para defenderem a nossa nação,,,pena que não possam invadir brasília,rsrsrsrsrsrsr, calma,,foi só para descontrair!

VALDECI
VALDECI
6 anos atrás

Entendo que deve ser feito o abate de qualquer avião hostil, porém com agilidade, sem depender de autorização demorada, como apareceu a alguns dias na TV um avião fugindo na maior. Acho que deveria ter um procedimento que desse ao próprio piloto decidir com agilidade sem depender de autorização superior tudo dentro dos procedimentos e filmado elém de gravado, para servir de prova que o piloto seguiu os procedimentos. De forma ágil e eficaz.

Wagner Santos
Wagner Santos
6 anos atrás

A medida no Brasil é inócua pois os aviões são interceptados mas como sabem que não se autoriza o abate, prosseguem. Quando se noticiou algum abate por aqui?
Mas já vi muitas vezes a notícia da interceptação e fuga do avião. A lei autoriza que seja um comandante mas, na prática tem que ser a PresidentA, que nunca faz nada.

Previous Post

Japão apresenta seu primeiro avião “invisível”

Next Post
A Emirates é o maior operador do A380 no mundo, com 73 unidades na frota (Emirates Airlines)

Emirates encomenda 21 jatos Airbus A380

Related Posts
Total
0
Share