Reino Unido pode cancelar A400M

Airbus Military A400M

O Ministério da Defesa Britânico deve decidir se os atrasos à sua aquisição de 25 Airbus Military A400M podem ser bastante graves para merecer a sua retirada do desenvolvimento multinacional, disse um novo relatório do Comitê de Defesa da Câmara dos Comuns.
“Com a confirmação dos atrasos no programa A400M, o MoD precisa decidir se considera o abandono do programa e tomar a decisão oportunamente ou tomara decisão de arrendar outro tipo de aeronave para tapar a fenda deixada pela obsolescência da atual frota”, diz o relatório de 26 de fevereiro.

Dadas as evidências no final do último ano, o Chefe de Material de Defesa da Grã Bretanha, Gen. Sir Kevin ODonoghue disse ao comitê: A solução já está sendo ajustada no cronograma de entregas do A400M o que é um desafio no momento”.
ODonoghue confirmou mais dois anos para iniciarem as primeiras entregas para a Grã Bretanha, originalmente programada para o próximo ano.

Total
0
Shares
Previous Post

Índia planeja aeronave de combate de fabricação própria

Next Post

Austrália quer adaptar F/A-18F para versão Growler

Related Posts