Turboélices A-29 da Força Aérea interceptam avião com mais de meia tonelada de drogas

Bimotor Baron 58 de registro PR-WCP havia invadido o espaço aéreo brasileiro pelo Mato Grosso do Sul e foi forçado a realizar um pouso após disparos
Turboélices A-29 Super Tucano (FAB)

A Força Aérea Brasileira (FAB) deteve uma aeronave Beech Baron 58, de registro PR-WCP, que havia invadido o espaço aéreo nacional no Mato Grosso do Sul. O bimotor carregava 663 kg de pasta base para produção de cocaína e foi interceptado por dois A-29 Super Tucano neste domingo, 3.

Após tentar contato com os ocupantes do avião, os pilotos da FAB ordenaram a mudança de rota e o pouso obrigatório em um aeródromo especificado por eles. Novamente, sem resposta, os A-29 então deram tiros de aviso.

Sem sucesso, os A-29 então atingiram o Baron com tiros nas asas e no motor esquerdo, o que fez com que a aeronave realizasse um pouso forçado na zona rural do município de Pontalinda, no estado de São Paulo (veja vídeo abaixo).

O Becch Baron 58 de registro PR-WCP (PF)

Segundo a Polícia Federal, que participou da operação, os dois ocupantes da aeronave interceptada fugiram após o pouso. O avião avariado foi transportado por um caminhão para o município de Jales.

Segundo dados do Registro Aéreo Brasileiro (RAB), o Beechcraft Baron 58 foi fabricado em 1973 e estava com Certificado de Verificação de Aeronavegabilidade (CVA) vencido desde o dia 21 de junho. A aeronave consta como adquirida recentemente, em abril deste ano.

Total
17
Shares
0 0 votes
Article Rating
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Dario Lemos
Dario Lemos
1 mês atrás

Interceptam, danificam a aeronave mas não conseguem prender os ocupantes que, em breve, pilotarão outras aeronaves, mantendo esse círculo vicioso. Na próxima vez, que derrubem a aeronave evitando a fuga dos transgressores da lei.

Arnaldo
Arnaldo
1 mês atrás

A aeronave consta como adquirida recentemente, em abril deste ano. e o nome do comprador?

Previous Post

O jato E195-E2 pode cobrir 99,6% das rotas do A220, diz chefão da Embraer

Next Post

Paquistão vai receber mais dois Embraer Lineage 1000 para conversão militar

Related Posts
Total
17
Share