A Sky Airline receberá 10 A321XLR que serão usados em suas rotas mais longas (Airbus)

Assim como sua rival chilena JetSmart, também a Sky Airline tornou-se cliente do A321XLR, versão de maior alcance do jato de um corredor da Airbus. O acordo de compra prevê a entrega de 10 unidades e que serão usados na expansão da sua rede de rotas internacionais – a fabricante não revelou quando as aeronaves começarão a ser entregues.

Com alcance de 4,700 milhas náuticas (8.700 km), em tese o A321XLR é capaz de voar de Santiago do Chile a Nova York sem escalas. Destinos na África, Caribe e centro dos EUA também estariam ao alcance do jato a partir de seu hub chileno.

“Essa nova frota de aeronaves nos permitirá expandir nossa oferta de rotas internacionais e de longo alcance, sempre sob o nosso modelo de baixo custo e seus preços extremamente convenientes. Agora, os passageiros podem desfrutar de destinos novos e muito atraentes nos aviões mais modernos do mercado”, disse Holger Paulmann, CEO da SKY.

“Estamos muito satisfeitos que a SKY tenha escolhido o A321XLR para expandir ainda mais sua frota de todas as aeronaves da Airbus. O A321XLR permitirá à SKY oferecer aos seus clientes novos destinos, como voos diretos de Santiago do Chile para Miami nos EUA”, afirmou Arturo Barreira, presidente da Airbus Latin America.

Atualmente, a Sky opera uma frota de 23 aviões da Airbus, 14 deles A320neo, o mais popular da família e que consegue oferecer um custo de operação bastante inferior ao seu antecessor.

É com o A320neo que a Sky tem voado para o Brasil onde atende os aeroportos de Guarulhos, Galeão e Florianópolis, os dois últimos desde novembro do ano passado. A companhia também realiza voos sazonais como para Salvador neste ano.

Sem concorrentes

O crescimento das encomendas do A321XLR tem impressionado desde que ele foi confirmado em junho, durante o Paris Air Show. Graças ao alcance sem igual e a grande capacidade de passageiros (até 240 assentos), a variante de longo alcance da Airbus tornou-se um substituto ideal para antigos jatos, de narrowbodies como o 757 a widebodies menores como o 767 e o A330. E tudo isso ainda bastante distante de entrar em operação. Segundo a Airbus, a previsão é que o primeiro A321XLR seja entregue apenas em 2023.

A Sky Airline opera jatos Airbus A319 e A320 (Airbus)

A Sky Airline opera jatos Airbus A319 e A320 (Airbus)

Veja também: United Airlines escolhe o A321XLR para substituir seus Boeing 757