Com novo pedido, American Airlines terá mais de 100 jatos E175

Aeronaves serão utilizadas pela Envoy Air, subsidiária de voos regionais do grupo American Airlines. Embraer também anunciou novos acordos para fornecimento do EVE-100, seu “carro voador”
Embraer E175 da Envoy Airlines
Subisidiária da American, Envoy opera hoje 98 E175 (Envoy)

 

Embraer e American Airlines assinaram um acordo de fornecimento de 3 novos jatos E175 nesta terça-feira (15). As aeronaves serão operadas pela Envoy Air, subsidiária da companhia aérea focada em voos regionais nos EUA.

O negócio atinge um valor de tabela de US$ 160,2 milhões, segundo a fabricante brasileira. A previsão de entrega das aeronaves é para o final de 2022; com a chegada dos aviões, a Envoy irá terá uma frota de 101 unidades do E175 – além da versão, a empresa opera também oito E170 e 56 ERJ 145.

“Alcançar a marca 100 jatos E175 com a American Airlines e a Envoy é realmente motivo de celebração. Agradecemos à American Airlines e à Envoy pela parceria com a Embraer, que começou em 1998”, disse Mark Neely, vice-presidente de vendas e marketing para as Américas da Embraer.

Envoy utiliza aviões Embraer há 25 anos (Envoy)

VEJA TAMBÉM

Air France adiciona mais três voos semanais entre São Paulo e Paris

– ATR pode lançar novo avião regional após 36 anos

Parceria de longa data

Não é de hoje que a Envoy e a Embraer trabalham juntas. A parceria entre as empresas começou há quase 25 anos, como o ERJ 145.

“Nossa parceria continua a crescer com o E175, que é o coração da nossa frota. Nossos passageiros estão muito satisfeitos com a aeronave e o seu excepcional desempenho operacional nos permite continuar a oferecer um serviço de excelência para a American Airlines”, disse Pedro Fábregas, presidente e CEO da Envoy Air.

A Envoy considera o E175 o “coração” de sua frota atual, chegando a 98 unidades em serviço atualmente, segundo o site Planespotters. O ERJ 145 ainda representa fatia importante de suas aeronaves, com 53 aeronaves em atividade.

Focada em voos regionais para alimentar a malha principal da American Airlines, a Envoy opera somente com aviões da Embraer, embora no passado tenha utiliza também modelos da Bombardier.

EVE também faz acordos

O subsidiária EVE, da Embraer, focada em veículos para mobilidade urbana aérea, anunciou novos acordos pelo seu eVTOL EVE-100. Durante o Singapore Airshow, a start-up consolidou parcerias com a Microflite, Aviar e Helispirit.

As novas parcerias preveem a entrega de até 90 eVTOLS (da sigla, em inglês, para aeronaves elétricas de decolagem e pouso verticais) da EVE, também chamados popularmente de “táxis voadores”.

EVE-100 já teve mais de 1.700 pedidos feitos (Embraer)

Na assinatura com a Microflite, da Austrália, a expectativa é de fornecer até 40 unidades do EVE-100 para operar em Melbourne em 2026. Também para suas atividades no mesmo país e período, a Aviair e Helispirit podem encomendar até 50 eVTOLS EVE-100 para expandir seu serviço na região ocidental do país, em Kimberley, South-West e Perth.

Em dezembro passado, a EVE anunciou que já havia alcançado 1.735 pedidos de seu eVTOL, além de divulgar intenção de ter ações na Bolsa de Nova York.

Total
135
Shares
Previous Post

Etihad deve converter pedido de sete A350-100 para o cargueiro A350F

Next Post

JetBlue encomenda mais 30 Airbus A220-300 e dispara como maior cliente do jato

Related Posts
Total
135
Share