Companhia aérea de Myanmar inicia operações com o Embraer E190

Myanmar Airways International iniciou as operações com o E190 de primeira geração; empresa ainda vai receber mais um jato
Embraer E190 da Myanmar Airways International
(Embraer)

Mais novo cliente da Embraer, a companhia aérea Myanmar Airways International (MAI) iniciou nesta terça-feira (22) voos comerciais com seu primeiro jato E190, operando quatro frequências por dia, a partir de Yangon, a cidade mais populosa de Myanmar. A empresa asiática ainda vai receber mais uma aeronave no mesmo tipo nesta semana.

A MAI também assinou um contrato para o Programa Pool de suporte com a Embraer, programa que tem a adesão de todos os operadores E-Jets na Ásia-Pacífico. São agora quatro novos clientes dos jatos brasileiros na região, excluindo a China, desde o início de 2020.[

“Nossos pilotos, atendentes de cabine, área de manutenção e toda equipe estão orgulhosos em ter o E190 servindo nossos clientes com uma experiência de voo superior”, disse Saravanan Ramasamy, CEO da MAI. “Estamos animados com essa produtiva parceria com a Embraer. A operação do E190 marca ainda outro importante momento na estratégia de expansão de frota da MAI e no desenvolvimento das rotas domésticas. Com uma demanda crescente, estamos planejando aumentar a frequência de operação com o E190 para oito voos por dia.”

Os jatos E190 de primeira geração recebidos pela MAI são alugados pela empresa de leasing CDB Aviation e anteriormente eram operados pela China Southern Airlines. As aeronaves têm cerca de oito anos de uso.

“O início dos voos com o E190 da Myanmar Airways International vai aumentar a conectividade em Myanmar”, disse Raul Villaron, Diretor da Embraer Aviação Comercial para a Ásia-Pacífico. “A companhia aérea vai se beneficiar do desempenho e da eficiência da aeronave e do generoso compartimento de carga, enquanto os passageiros aproveitam o conforto de cabine. A MAI poderá operar com total confiança porque nosso serviço e suporte de excelência está aqui para apoiá-la.”

Fundada em 1947, a MAI é uma das companhias aéreas mais antigas da Ásia em atividade, embora tenha uma atuação discreta. Até a chegada dos novos jatos Embraer, a empresa operava apenas com cinco aeronaves, sendo quatro modelos Airbus A319 e um A320, que atendem destinos na China, Índia, Singapura, Coreia do Sul, Taiwan e Tailândia. Os voos da empresa partem dos aeroportos de Yangon e Mandalay, em Myanmar (país que também é conhecido pelo nome Birmânia).

Veja mais: Embraer promete novidades sobre seus futuros turboélices em 2021

 

Total
41
Shares
Previous Post
Concepção artística do novo turboélice de passageiros da Embraer (Embraer)

Embraer promete novidades sobre seus futuros turboélices em 2021

Next Post

Maior fracasso da Airbus, A330-800 tem terceira unidade entregue

Related Posts