LATAM Brasil realiza primeiro voo de certificação do Boeing 787-9

Aeronave cedida pela divisão chilena é a primeira de quatro que serão usadas pela companhia aérea em seus voos internacionais a partir de dezembro
A LATAM Brasil utilizará quatro Boeing 787-9 oriundos da divisão chilena (LATAM)

O primeiro Boeing 787-9 da LATAM Brasil realizou seu voo de certificação nesta segunda-feira (27), decolando do Aeroporto de Guarulhos com destino à Manaus.

Chamado pela empresa de “voo não comercial” por não levar passageiros (embora simulasse uma etapa comum), o jato Dreamliner realizou um pouso alternado em Belém, a pedido do órgão regulador, voltando a voar em direção à capital do Amazonas em seguida.

Os voos de certificação são necessários para que as autoridades de aviação civil possam aprovar a operação do novo widebody no país.

Nesta quinta-feira (30), o Boeing 787 prefixo CS-LAA voltará a realizar uma avaliação operacional, porém, entre São Paulo e Miami, nos EUA. O processo de certificação ainda levará algum tempo já que a LATAM só planeja estrear a aeronave na segunda quinzena de dezembro.

A rota escolhida para receber o jato avançado é São Paulo-Madri, mas a intenção é que o 787 assuma outros destinos europeus ainda em estudo, segundo a empresa.

A adoção do Boeing 787 no Brasil permitirá uma redução de 50% nos custos de treinamento e serviços associados como manutenção, disse a empresa, que afirmou ainda que aproveitará 200 pilotos e 900 comissários de bordo do 777 para a operação do novo avião.

Com 300 assentos em três classes de serviço, o 787-9 será uma importante adição à frota após a saída dos Airbus A350-900. Mais econômicos e silenciosos, esses jatos devem cobrir a lacuna do rival como aeronave mais moderna da companhia brasileira.

Total
44
Shares
Previous Post

Marinha dos EUA recebe o primeiro caça F/A-18 Super Hornet do Bloco III operacional

Next Post

China mostra o caça J-20A com motores chineses em show aéreo

Related Posts