Primeiro A220-300 da Iraqi Airways é revelado

Aeronave faz parte de uma encomenda de cinco jatos que serão entregues a partir de outubro à companhia aérea do Oriente Médio
O primeiro A220-300 da Iraqi Airways sendo finalizado no Canadá (IA)

A Iraqi Airways revelou em seu perfil em redes sociais imagens do seu primeiro Airbus A220-300. A aeronave está sendo finalizada em Mirabel, no Canadá, e tem entrega programada para outubro, segundo a empresa.

Na descrição das imagens, a Iraqi Airways informou que enviou o primeiro grupo de tripulantes para treinamento nas instalações da Lufthansa, na Alemanha.

A empresa afirma ainda que está esperançosa de receber outras novas aeronaves entre o final deste ano e o começo de 2022, sem especificar os modelos – existiria um pedido de dez 787-8, mas que não constam nos registros da Boeing.

Atualmente, a frota da Iraqi Airways consiste de 30 aviões, segundo o Planespotters. A principal aeronave em serviço é o Boeing 737-800, com 14 jatos, além de três A320, dois A321 e seis CRJ-900.

As rotas de longo alcance da companhia são atendidas por um misto de aeronaves, incluindo dois Boeing 747-400, um A330-200, um 767-300 e um 777-200.

Guerra do Iraque

A Iraqi Airways passa por uma nova fase desde 2005 quando retomou seus serviços após a Guerra do Iraque, que depôs o ditator Saddam Hussein. Desde então, a empresa, sob uma nova identidade jurídica, tem buscado aos poucos recompor sua malha aérea.

Fundada em 1946, a companhia aérea teve períodos bastante prósperos quando adquiriu aeronaves como o Hawker Siddeley Trident e os Boeing 707, 727 e 737.

A Iraqi Airways comprou algumas unidades do Boeing 747-200 na década de 70 (Steve Fitzgerald)

Em 1975, a Iraqi encomendou quatro Boeing 747-200, então o maior jato de passageiros do mundo. A empresa também operou o 747-100 e o 747SP, variante de longo alcance do quadrimotor.

A invasão do Kuwait em 1991, no entanto, colocou o futuro da Iraqi Airways em xeque, mas a companhia resistiu durante longos anos. A chegada do primeiro A220-300 não deixa de ser simbólica para uma empresa que completou 75 anos de vida em janeiro.

Total
51
Shares
Previous Post

Contrato do ‘People Mover’ do Aeroporto de Guarulhos será assinado em setembro, diz governo

Next Post

Embraer chega à 1.500 jatos executivos entregues

Related Posts