UAC estuda lançar jatos MC-21 e SSJ100 cargueiros

Propostas ainda precisam ser aprimoradas, mas companhias como a Volga-Dnepr teriam mostrado interesse no projeto
Cada modelo Sukhoi Superjet 100 custa cerca de US$ 35 milhões (Sukhoi)
SSJ100 (Sukhoi)

A United Aircraft Corporation (UAC) revelou durante a MAKS 2021 na semana passada que os jatos comerciais MC-21 e SSJ100 estão sendo objeto de estudos para contarem com versões cargueiras.

“Atualmente estamos trabalhando em soluções conceituais para o lançamento da versão de carga (SSJ100). E essa questão está sendo considerada não só em relação ao Sukhoi Superjet, mas também em relação ao MC-21”, disse Oleg Gulyaev, diretor da Irkut Corporation, divisão da UAC.

O executivo explicou que a aeronave da Sukhoi está passando por estudos que servirão para formalizar o plano de negócios. O passo seguinte será apresentar a proposta aos acionistas e caso aprovada, todo o processo de construção e certificação deverá levar dois anos.

O desenvolvimento da variante cargueira do MC-21 ainda estaria nos estágios iniciais. Apesar disso, a companhia cargueira Volga-Dnepr discutiu a possibilidade de ser a cliente de lançamento do modelo, afirmou a TASS.

Enquanto o SSJ100 está em operação há vários anos, o MC-21 de passageiros entrará em serviço em 2022, segundo a UAC. Uma variante de carga certamente levaria mais tempo para chegar ao mercado.

As empresas envolvidas não revelaram qualquer dado técnico sobre capacidade de carga, alcance e mudanças na estrutura das aeronaves até aqui.

A inicitiva russa é bastante incomum no segmento de cargas, que raramente encomenda aeronaves cargueiras de curto alcance novas. O mais comum é aproveitar jatos construídos para levar passageiros e convertê-los, incluindo programas apoiados pelos próprios fabricantes.

Total
28
Shares
Previous Post

FAB assina acordo com a Sikorsky para apoio logístico dos helicópteros UH-60L Black Hawk

Next Post

Condor escolhe o A330-900neo para substituir seus Boeing 767

Related Posts