LATAM equipará seus A320 com recurso para reduzir consumo de combustível

Nova função do sistema de gerenciamento de voo da aeronave da Airbus permitirá economizar mais de 100 toneladas de querosene por aeronave
Mais de 200 aviões da família A320 receberão o novo recurso (Airbus)

A LATAM Airlines terá a maior frota de jatos A320 que farão uso de uma nova função desenvolvida pela Airbus para reduzir o consumo de combustível e a emissão de poluentes. Chamada de “Descent Profile Optimisation” (Otimização de Perfil de Descida), a função é parte do aprimoramento do sistema de gerenciamento de voo da aeronave (da sigla FMS em inglês).

Graças a ela, será possível realizar o procedimento de descida com uso dos motores em ‘idle’, ou seja, algo como o “ponto morto” dos automóveis. Além disso, a DPO prolonga ao máximo o tempo de voo na altitude de cruzeiro mais eficiente, evitando que a aeronave precise nivelar em níveis mais baixos, onde há maior consumo de combustível.

A atualização do sistema será feita entre o final deste ano e início de 2022 e incluirá mais de 200 aviões da família A320 no grupo.

Infográfico mostra a diferença com e sem a nova função (Airbus)

Juntamente com novos procedimentos de aproximação e tráfego aéreo que estão sendo implementados em diversos países, a nova função promete ajudar a reduzir significativamente o consumo de combustível e a emissão de poluentes.

De acordo com a Airbus, cada A320 da LATAM deixará de consumir mais de 100 toneladas de querosene por ano graças ao recursos, incluindo aeroportos de operação mais restrita como Lima, Santiago e Congonhas, em São Paulo. A redução de emissões de CO² por aeronave será de 300 toneladas em média – a empresa projeta um total de 600.000 toneladas a menos de poluição em toda a frota.

A Airbus realiza nesta semana o Airbus Summit, encontro em que apresenta suas iniciativas sustentáveis na aviação.

Total
37
Shares
Previous Post

Apesar de citar o JF-17, Argentina nega ter escolhido novo caça de defesa aérea

Next Post

Emirates confirma volta do A380 no voo São Paulo-Dubai

Related Posts